Pages

Subscribe:

About

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Pesquisa diz que 77,2% dos policiais são a favor de desmilitarizar PM

Um terço dos policiais militares brasileiros pensa em sair da corporação na qual trabalham. A conclusão é de uma pesquisa feita com policiais de todo o país, lançada nesta quarta-feira (30). Ainda segundo o estudo, 77,2% dos policiais disseram ser a favor da desmilitarização da PM.
O estudo foi realizado com 21.101 policiais militares, civis, federais, rodoviários federais, bombeiros e peritos criminais de todos os Estados. Os profissionais foram ouvidos entre os dias 30 de junho e 18 de julho.
A pesquisa "Opinião dos Policiais Brasileiros sobre Reformas e Modernização da Segurança Pública" foi promovida pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, pelo Centro de Pesquisas Jurídicas Aplicadas da Fundação Getúlio Vargas e pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.
Segundo a pesquisa, 34,4% dos policiais afirmaram que pretendem sair da corporação "assim que surgir outra oportunidade profissional". E 55,1% disseram que planejam se aposentar onde trabalham atualmente.
Perguntados se, caso pudessem escolher, optariam novamente pela carreira na sua corporação, 43,7% falaram que sim; 38,8% responderam que não.
Dos policiais que participaram do projeto, mais da metade (52,9%) é da Polícia Militar. Outros 22% são da Polícia Civil. A maioria (63,5%) tem ensino superior completo ou especialização, e grande parte (44,4%) trabalha em média oito horas por dia.
Em relação à renda mensal, 27,2% deles ganham de R$ 5.000 a R$ 10 mil; 26,2%, de R$ 2.000 a R$ 3.000; e 20,9%, de R$ 3.001 a R$ 4.000. O valor é líquido, incluindo os adicionais.

Abuso de álcool dobra risco de perda de memória

A lista de malefícios de beber em excesso acaba de ganhar mais um item. Estudo realizado com americanos constatou que o hábito pode dobrar risco de perda de memória grave mais tarde na vida. Os dados são do jornal The Guardian. Os cientistas questionaram 6.542 americanos de meia-idade sobre o seu consumo passado de álcool e avaliaram suas habilidades mentais ao longo de oito anos. “Essa descoberta, de que as pessoas de meia-idade com uma história de problema com bebida mais do que dobra as chances de perda de memória quando são mais velhas, sugere que se trata de um problema de saúde pública que precisa ser tratado”, disse o pesquisador chefe Iain Lang, da Universidade de Exeter, Inglaterra. “Isso não quer dizer que as pessoas precisam se abster de álcool completamente. Além de uma dieta saudável, não fumar e manter um peso saudável, uma taça de vinho tinto pode até mesmo ajudar a reduzir o risco de desenvolver demência”, acrescentou Doug Brown, diretor de pesquisa e desenvolvimento da Alzheimer's Society.

Dilma nega tarifaço após as eleições e defende número de ministérios

Após a sabatina realizada na Confederação Nacional da Indústria (CNI) hoje (30), a presidenta Dilma Rousseff, candidata à reeleição, negou que depois das eleições haverá um aumento nas tarifas, apelidado de tarifaço. A candidata também rebateu críticas de outros candidatos de que seu governo tem um número excessivo de ministérios.
“Eu acho essa história [de tarifaço] prima-irmã da 'tempestade perfeita', do racionamento de energia e das profecias que não aconteceram,” disse Dilma, que considera que esse tipo de postura gera insegurança no país e pode levar as empresas a deixarem de investir no Brasil.
Dilma justificou o aumento nas tarifas em alguns setores pela escassez de chuvas na Região Sudeste, o que levou a colocar as Usinas Termoelétricas em funcionamento e a reajustar as tarifas.
Perguntada sobre as críticas de que há um número excessivo de ministérios em seu governo, Dilma citou algumas secretarias com status de ministério como as secretarias de Política para as Mulheres, a de Igualdade Racial, a de Direitos Humanos e o da Micro e Pequena Empresa, como necessárias para fortalecer segmentos específicos. Ela desafiou os candidatos a dizerem quais pastas deveriam ser extintas.
“Eu gostaria muito de saber a sugestão concreta [dos concorrentes]. Querem acabar com o quê? O status de ministério da Secretaria das Mulheres permitiu o empoderamento das mulheres quando se trata da violência contra elas, de Direitos Humanos, dando respaldo à necessidade de combater à tortura, assim sucessivamente. Rigorosamente, elas não são um ministério no sentido orgânico da palavra, no tamanho, por exemplo, do Ministério da Fazenda, mas elas têm um motivo político de serem ministérios”, justificou.
Dilma disse não ter dúvidas de que o Brasil precisa de uma reforma política e defendeu que a as mudanças sejam feitas com ampla participação popular. Para a candidata, o tema é fundamental no processo de modernização do Estado brasileiro.
“Só acredito que o Brasil fará esta reforma política por meio de uma ampla participação popular. Daí definimos como prioritário o plebiscito. Eu mandei uma proposta para o Congresso que não foi aprovada,” lembrou.
Dilma voltou a defender a necessidade de uma reforma trabalhista e disse que ela só será possível com o diálogo entre empresários, trabalhadores e o Congresso. Segundo ela, as disputas judiciais envolvendo patrões e empregados “aumentam os custos” do setor, por isso tem que haver um processo de negociação amplo.
“Instituirmos a negociação coletiva é fundamental, principalmente nos setores fortes, onde tanto a indústria seja forte quanto os trabalhadores”.
Durante a sabatina, a candidata à reeleição defendeu ainda uma internet popular com mais velocidade, “não de um mega[byte], mas de 50 mega[bytes] como a sul-coreana”, comparou. Segundo Dilma, para que isto se realize é preciso que, tanto o governo quanto empresários invistam na expansão da rede.
Além de Dilma Rousseff, também foram sabatinados hoje pela CNI os candidatos Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). A entidade apresentou 42 propostas aos presidenciáveis sobre dez áreas prioritárias para o setor para garantir a competitividade a competitividade das empresas nacionais no mercado interno e externo. A CNI convidou os três candidatos mais bem colocados nas pesquisas de intenção de voto.
Fonte: Agência Brasil

TRE defere as candidaturas de Camilo e Eunício ao Governo do Ceará e de Mauro Filho e Tasso para o senado

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará deferiu, nesta quarta-feira (30), as candidaturas de Eunício Lopes de Oliveira e Roberto Soares Pessoa (Coligação Ceará de Todos - PMDB – PSC – DEM – PSDC – PRP – PSDB – PR – PTN – PPS) e de Camilo Sobreira de Santana e Maria Izolda Cela de Arruda (Coligação para o Ceará seguir mudando – PT - PRB – PRTB – PHS – PMN – PTC – PV – PEN – PPL – PSD – PC do B – PT do B – SD – PROS) ao Governo do Ceará.
O primeiro candidato a ter o registro deferido para o cargo de governador foi Aílton Claércio Lopes Dantas, da Coligação Frente de Esquerda Socialista - PSOL-PSTU-PCB, em 25/07. Falta ser julgada a candidatura de Eliane Novaes Eleutério ao Governo do Estado. Quando não há pedido de impugnação, os processos estão sendo julgados de forma monocrática, pelos juízes relatores, uma novidade nessas eleições.
Nesta quarta-feira, 30/07,o Pleno do TRE-CE julgou 13 processos de registros de candidaturas. Apenas a do candidato a deputado estadual, Elmano de Freitas da Costa, foi deferida. Os candidatos com pedidos de registro indeferidos na sessão desta quarta foram: Raimundo Dias Angelim (PSB), João Paulo Nascimento Oliveira (PSC), Euclides Júnior Fernandes (PSB), Francisco Alves da Penha Filho (PTC), Pedro Ferreira de Souza Neto (PSC), Marcos Aurélio Bezerra Gomes (PSC), Dalila Maria Andrade da Silva (PTC), Maria Carine Nogueira de Aquino (PTC), Carlos Alberto Gomes Mesquita (PMDB), João Jacques Carneiro Albuquerque (PMDB), Francisco Valdez Souza da Silva (PV) e João Andrade da Silva (PHS).
Até o momento, o TRE já julgou 645 pedidos dos 872 registros de candidatura para as Eleições 2014. Desse total, 570 foram deferidos; 50 indeferidos; 10 renunciaram e 15 Demonstrativos de Regularidades Partidárias (DRAPs) foram deferidos. O Tribunal tem até o dia 5/8 para julgar os 227 pedidos restantes. Faltam analisar 9 pedidos de impugnação pelos juízes da Corte.
Para o Senado Federal, foram julgadas e deferidas as candidaturas de Tasso Ribeiro Jereissate (1º Suplente: Francisco Feitosa de Albuquerque Lima e 2º Suplente: Fernando Antônio Mendes Façanha Filho), da Coligação Ceará de todos – PMDB – PSC – DEM – PRP – PSDB – PR – PTN – PPS, Raquel Dias Araújo (1º Suplente: Carlota Sales de Carvalho e 2º Suplente: Augusto Cesar Tavares da Silva) da Coligação Frente de Esquerda – PSTU – PCB – PSOL e Carlos Mauro Benevides Filho (1º Suplente: José Linhares Ponte e 2º Suplente: Francisco Honório Pinheiro Alves), da Coligação Para o Ceará Seguir Mudando - PRB – PP – PDT – PT – PTB – PSL – PRTB – PHS – PMN – PTC – PV – PEN – PPL – PSD – PC do B – PT do B – SD – PROS. Para o Senado, falta ser julgado apenas o registro de Geovana Maria Cartaxo de Arruda Freire do PSB (1º Suplente: Maria Valda de Albuquerque e 2º Suplente: Geraldo Cadeira de Oliveira).

Eunício lidera ranking dos milionários

Dos 70 candidatos a governador nos dez maiores colégios eleitorais do Brasil, 23 têm patrimônio superior a R$ 1 milhão, segundo declarações fornecidas por eles à Justiça eleitoral. Juntos, eles possuem bens que somam R$ 181,5 milhões.
A apresentação da declaração de bens é um dos requisitos a serem cumpridos no pedido de registro de candidatura. Todos os candidatos são obrigados a declarar imóveis, veículos, investimentos e outros bens.
De todo esse patrimônio, mais de R$ 100 milhões (54%) estão concentrados no Ceará. Isso porque o senador Eunício Oliveira (PMDB), que quer ser governador, declarou ter R$ 99 milhões – a maior parte dos itens consiste em propriedades rurais.
São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul, Paraná, Pernambuco, Ceará, Pará e Santa Catarina são os principais colégios eleitorais do país, com 108,5 milhões de eleitores de um total de 142,8 milhões.
Fonte: Congresso em Foco

Candidato ao Senado, Mauro Filho diz que avanços não podem ficar para trás

"Vou batalhar em Brasília para que todas as ações que tiraram 32 milhões de pessoas da extrema pobreza, no Brasil, não fiquem para trás". A afirmação foi feita pelo candidato ao Senado da coligação "Para o Ceará Seguir Mudando", Mauro Filho, na noite desta terça-feira (29), durante a inauguração do comitê em Fortaleza. Mauro defendeu que os avanços conquistados no Brasil, com Dilma, e no Ceará, com Cid Gomes, não podem parar.
"Quero dizer ao povo do Ceará que eu quero que todos se orgulhem do meu trabalho para que nos próximos anos vocês tenham, verdadeiramente, um novo senador", reforçou, ressaltando ser o único candidato ao Senado Federal que se alinha ao projeto da presidente Dilma Rousseff.
Mauro finalizou sua fala dizendo estar bastante satisfeito com os resultados dos primeiros dias de campanha. "Estou muito feliz hoje à noite porque estou vendo aqui nessa arrancada a participação de representantes de 184 municípios do Estado do Ceará", disse.
Fonte: Coligação "Para o Ceará Seguir Mudando"

Projeto proíbe que consultórios priorizem consultas particulares

Os consultórios médicos ou de atendimento de saúde poderão ser proibidos por lei de dar prioridade na agenda ao atendimento de pacientes que pagam diretamente em detrimento de pacientes usuários de planos de saúde. O senador Pedro Taques (PDT-MT) apresentou projeto de lei para impedir esse tipo de discriminação.
A proposta de Taques (PLS 525/2013) sugere alteração na Lei 9.656/1998, que trata dos planos de saúde. Pelo projeto, a marcação de consultas, exames e quaisquer outros procedimentos de saúde deve privilegiar os casos de emergência, as pessoas com 60 anos ou mais, as gestantes, lactantes e crianças de até 5 anos. A proposta veda diferenciação para marcar consulta entre o paciente de plano de saúde e aquele conhecido como “particular”.
O senador justificou a proposta argumentando que há uma prática abusiva na marcação de consultas: para os pacientes que pagam com recursos próprios, agenda-se com mais antecedência, enquanto para os pacientes com convênios de saúde, há mais demora nesse processo.
“Esse é um tipo de conduta mesquinha e discriminatória contra os pacientes consumidores de planos e seguros privados de assistência à saúde, cujo objetivo é coagi-los a pagar, com recursos próprios, por consultas, exames e procedimentos que deveriam ser cobertos pelo plano ou seguro”, afirmou Taques.
O projeto também reduz de 65 para 60 anos a idade da pessoa idosa a qual deve ser concedida prioridade na marcação, como está previsto na Lei 9.656/1998. Segundo Taques, essa alteração vai harmonizar a Lei dos Planos de Saúde com o Estatuto do Idoso, norma que considera idosa a pessoa com idade igual ou superior a 60 anos.
Fonte: Agência Senado

Sérgio Aguiar é atendido e PM leva reforço para o Ipu

O Cel Edivar, comandante da Cia. Militar do Batalhão a qual o Ipu pertence, esteve em Ipu na semana passada confirmando na imprensa local que o destacamento da PM de Ipu será reforçado.
Será aumentado o número de policiais, serão 20 policias atuando em uma escala de 24 por 48 horas, e contaram com  o auxilio de 2 motos NX falcons, e do COTAR(Comando Tático Rural) que chegará a cidade para realizar operações, e continuará as operações da Força Tática.
ENTENDA 
No segundo expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (16/07), o deputado Sérgio Aguiar (Pros) falou sobre os problemas de segurança que os municípios do interior do Estado têm enfrentado nos últimos anos. Ele destacou o caso de Ipu, que está registrando muitos assaltos aos comerciantes.
Segundo Sérgio Aguiar, o consumo de drogas é uma realidade no Estado e vem provocando a onda de violência dos últimos tempos.
O parlamentar pediu que a Secretaria de Segurança Pública e os comandantes das polícias Civil e Militar fortaleçam o policiamento em Ipu e região próxima.
Fonte: Blog do Kleber Texeira

Prefeito é assassinado a tiros no interior da Bahia

Morreu por volta das 23h30 de ontem (29), no Hospital Geral de Eunápolis, o prefeito de Itagimirim/BA, Rielson Lima, do PMDB. Rielson, que tinha 51 anos, foi atingido por vários tiros, um pouco antes das 19h, em frente a um bar no centro de Itagimirim. O prefeito foi encaminhado em estado grave para o hospital de Eunápolis em uma ambulância avançada do Samu. De acordo com o secretário de Saúde de Eunápolis, Mário Gontijo, a cirurgia terminou por volta das 23h. Ainda de acordo com a informação, Rielson apresentava diversas perfurações no abdômen e tórax. Houve muito sangramento durante o procedimento cirúrgico e o prefeito não resistiu a uma hemorragia. O autor dos tiros, conforme o prefeito falou para um policial à paisana que lhe prestou os primeiros socorros, estava encapuzado. Rielson estava sentado em frente ao bar, em companhia de um parente e amigos quando foi atingido. A polícia informou que, depois de atingido, Rielson ainda correu por uma praça, que fica a poucos metros do prédio da prefeitura, mas foi perseguido pelo criminoso por quase 15 metros. O bandido fugiu em uma moto. Outros marginais, que estariam em um carro, teriam dado apoio ao assassino. O policial que prestou socorro a Rielson afirmou que o prefeito dizia que achava que não iria resistir. Toda a polícia da região está mobilizada na busca dos criminosos. Até o momento ninguém foi preso. A motivação do crime ainda é desconhecida. Rielson Lima - que era tido pela comunidade como uma pessoa pacífica, ainda não tinha chegado à metade do seu segundo mandato. O prefeito conseguiu se reeleger na última eleição. Casado com a secretária municipal de Assistência Social, Saadya Vieira, Rielson deixa filhos, um deles pequeno.
Com informações do Radar64.

Governo Federal confirma que 13º do INSS sairá no mês que vem

O Governo Federal confirmou a antecipação da primeira parcela do 13º salário dos aposentados. De acordo com a Casa Civil, ainda não há uma data exata para a publicação do decreto que manda antecipar o repasse, mas certamente o documento sairá antes do período previsto para o pagamento do benefício de agosto.
Pelo calendário, os segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que ganham um salário mínimo (que neste ano é de R$ 724) receberão o benefício entre os dias 25 de agosto e 5 de setembro.Quem recebe um benefício acima do piso nacional terá a grana entre os dias 1º e 5 de setembro.

UFC anuncia volta de Anderson Silva

UFC anuncia volta de Anderson SilvaO presidente do UFC, Dana White, anunciou que o brasileiro Anderson Silva fará seu retorno no UFC no dia 31 de janeiro de 2015, em Las Vegas, nos Estados Unidos, diante de Nick Diaz.
O evento marcará a volta do ex-campeão dos pesos-médios após fraturar a perna em dezembro de 2013. Na ocasião, Anderson foi derrotado por Chris Weidman numa revanche da luta ocorrida em junho do mesmo ano, quando o Spider perdeu o cinturão para o norte-americano.
Fonte: C News

Gente fina é outra coisa

Dia 20, Juazeiro do Norte, Ceará. Grande festa popular em homenagem ao Padre Cícero, ruas cheias, romeiros vindos de longe. Na missa, os tucanos Aécio Neves, candidato à Presidência da República, e Tasso Jereissati, candidato ao Senado, com comitivas.
Pois não é que, na cidade superlotada, acharam um jeito de não se misturar à multidão? Conseguiram um cercadinho VIP, com cadeiras e tudo, que ninguém é de ferro.
Tudo bem, eram cadeiras de plástico, indignas de um pessoal tão refinado que nem na missa se mistura, mas que se há de fazer?"
Por Carlos Brikman 

terça-feira, 29 de julho de 2014

Unni Shop Camocim fará Coquetel de lançamento de nova coleção nesta quarta (30)

A Loja Unni Shop Convida a todos para seu Coquetel de Lançamento
de sua Nova Coleção Agosto/Setembro.
Compareça e confira as últimas tendência do universo da moda,
modelos exclusivos em primeira mão, com as melhores grifes
nacionais e internacionais que deixarão você ainda mais fashion.
São peças exclusivas vindas direto de São Paulo, Santa Catarina
e Rio Grande do Sul.
Portanto, às 09:00h da manhã desta quarta-feira (30), compareça
à Loja Unni Shop, saboreie um delicioso coquetel e garanta looks arrasadores.
A Unni Shop Camocim fica localizada à Rua Alcindo Rocha, 205,
centro. Tel: (88) 3621-0833.
Fonte: Camocim Online

Vacina contra hepatite A passa a ser oferecida pelo SUS

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, e o secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, anunciaram, nesta terça-feira (29), a introdução da vacina contra hepatite A no Calendário Nacional de Vacinação do Sistema Único de Saúde (SUS). As doses são direcionadas às crianças de 12 a 23 meses e já foram distribuídas para postos de saúde de todo o País. A meta do Ministério da Saúde é imunizar 95% do público-alvo, cerca de três milhões de crianças.
Com isso, o Brasil passa a oferecer, gratuitamente, 14 vacinas de rotina, garantindo todas as vacinas recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Até então, as doses só eram oferecidas nos postos particulares.
Prevenção e controle
O objetivo é prevenir e controlar a hepatite A e, dessa forma, imunizar, gradativamente, toda a população. O esquema vacinal preconizado pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde, prevê uma dose única da vacina. Será feito o monitoramento da situação epidemiológica da doença para definir a inclusão ou não de uma segunda dose no calendário da criança.
Para o início da vacinação, estados e municípios já receberam 1,2 milhão de doses. Outros lotes da vacina serão encaminhados, ainda este ano e no decorrer de 2015, para atender 100% do público-alvo. A data para início da vacinação será definida por cada estado. O Ministério da Saúde investiu R$ 111 milhões na compra de 5,6 milhões de doses neste ano. A vacina contra a hepatite A é segura e praticamente isenta de reações, mas pode provocar vermelhidão e inchaço no local da aplicação.
Parceira
A introdução desta vacina foi possível mediante política adotada pelo governo brasileiro de fortalecer o complexo industrial da saúde, ampliando a capacidade de produção de vacinas no País. A tecnologia envolvida é resultado de acordo de transferência feito por meio de Parceria de Desenvolvimento Produtivo (PDP) entre o Ministério da Saúde e o laboratório produtor Merck Sharp & Dohme Farmacêutica, que vai transferir gradualmente para o laboratório público Instituto Butantan a tecnologia e a fórmula do princípio ativo deste imunobiológico. A transferência completa da tecnologia, com produção 100% nacional, está prevista para 2018.
Casos no Brasil
Desde 2006, a taxa de incidência de hepatite A no Brasil tem apresentado tendência de queda, atingindo 3,2 casos para cada 100 mil habitantes em 2013. De 1999 a 2013, foram registrados 151.436 casos de hepatite A no País. A maioria dos casos se concentra nas regiões Norte e Nordeste, que, juntas, representam 55,8% (84.501) das confirmações neste período. As regiões Sudeste abrangem 16,4% (24.835); Sul 16,3% (24.684); e Centro-Oeste 11,6% (17.566) dos casos.
Estima-se que, com a vacina para hepatite A, ocorra uma queda de 64% dos casos ictéricos da doença e de 59% das mortes.

Tudo deu errado para Aécio e Dudu. A arrancada pós-Copa “foi pro saco”

A Alemanha fez a sua parte, com aquele “sacode” que levamos na semifinal.
Mas, no resto, a estratégia da oposição de capitalizar a natural frustração com a derrota esportiva e, ao menos, reverter as perdas que tiveram com o fato de a Copa do Mundo, apesar das previsões catastróficas da mídia, não funcionou.
Aécio despencou de seu discurso moralista com o aeroporto de família em Cláudio.
A seca do Alckmin, que tinha sumido da midia, voltou com força depois da ação do Ministério Público que manda racionar a água. Como advertiu, preocupada, a Folha, não apenas é conversa de elevador como já virou, hoje, assunto de matérias locais na Globo, com o povão reclamando da falta de água.
Sobrava o terrorismo econômico, mas a inflação em queda trabalha para  desmontar o cenário e a traulitada dada na carta do Santander ainda ajudou a evidenciar a gula “mercadista”.
Até o insuspeito Clóvis Rossi diz, hoje, na Folha ( o mais lido do dia) que “além de patético, o comportamento de tais agentes de mercado é covarde”.
Afinal, e todo mundo sabe, ganharam muito dinheiro com  o Brasil e com a expansão econômica do Brasil.
De maneira mais apropriada à sua elegância, Rossi repete o que disse aqui quando chamei de “mentira deslavada” os pedidos de desculpas do banco espanhol:  ”é o clássico modelo de atirar pedras e esconder a mão”.
Mesmo a “mãozinha” do Ministro José Jorge, do TCU – Jorge foi Ministro do Apagão de Fernando Henrique – no caso da refinaria de Pasadena deu errado, porque não atingiu a figura da Presidente.
Até o coadjuvante Eduardo Campos e sua partner Marina O que é que estou fazendo aqui Silva tiveram que se defrontar com a “saia-justa” da sua nova política que explicou que estava montando uma provinciana “Casa de Eduardo” em Osasco para “ganhar unzinho”. Campos não representa nada eleitoralmente em termos nacionais – esperem as pesquisas mais adiante – e está a caminho de tomar uma tunda de proporções homéricas até mesmo em Pernambuco, onde até o s prefeitos do PSB estão debandando para a candidatura Armando Monteiro,  do PTB mas apoiada – e apoiando – Lula.
A esta altura, sei não, acho que a tucanagem morre de saudades de José Serra.
E eu lembro da frase do Millor Fernandes: mais importante do que ser genial é estar cercado de medíocres.
Autor: Fernando Brito/Tijolaço

Ciro rouba as atenções na inauguração de comitê

camilo comitêO secretário de Saúde do Ceará, Ciro Gomes, roubou as atenções na inauguração do comitê central da candidatura Camilo Santana, na noite desta terça-feira (29), no Cocó.
Enquanto Camilo Santana limitou-se a falar sobre projetos do atual governo que merecem continuidade, Ciro Gomes partiu para o ataque contra o candidato de oposição ao governo do Ceará, Eunício Oliveira (PMDB) e também contra o candidato do PR à Assembleia Legislativa, Capitão Wagner.
Para Ciro Gomes, o patrimônio financeiro de Eunício é duvidoso, enquanto Capitão Wagner seria “vagabundo”.
eleições 2014 pt 0729 comitê
Fonte: Blog do Eliomar

Furacão da CPI planeja gastar até R$ 72 milhões em campanha para deputada distrital

Mais conhecida com “Furacão da CPI”, a ex-assessora parlamentar Denise Rocha pretende aproveitar a fama e gastar um bom dinheiro para se eleger à Câmara Legislativa do Distrito Federal pelo DEM. Denise informou à Justiça Eleitoral que planeja investir até R$ 72 milhões, nos próximos meses. O valor é maior do que a previsão de gastos do atual governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), que lidera a previsão de investimentos, com R$ 70 milhões. O patrimônio da candidata, porém, ainda não foi informado. Ex-assessora do senador Ciro Nogueira (PP-PI), Denise ficou famosa após o vazamento de um vídeo íntimo na internet durante a CPI do Cachoeira. Desde então, a candidata já foi capa da revista Playboy, participou do reality show “A Fazenda” e desfilou pela escola de samba Grande Rio.
Fonte: iG

Prefeito de Amontada desmente Eunício e confirma aliança com Camilo

amontadaO prefeito de Amontada, Paulo César (PT), contestou, nesta terça-feira, as declarações do candidato do PMDB ao Governo do Estado, Eunício Oliveira, de que iria apoiá-lo na disputa ao Palácio da Abolição. Eunício anunciou, durante evento de adesões lideranças políticas de municípios do Interior, realizada, ontem, em seu comitê,  que conversara com Paulo César e que o petista seria mais um prefeito ligado à base política liderada pelo Governador Cid Gomes (PROS) apoiá-lo.
O prefeito de Amontada, que é ligado ao senador José Pimentel e ao deputado federal José Airton Cirilo, lamentou o anúncio do peemedebista e disse que acredita no projeto político e administrativo comandado pelo Governador Cid Gomes. Paulo César disse, ainda; “Sempre estive e estarei com nosso candidato Camilo Santana. Acredito no projeto político do nosso atual governador, que já fez muito pelo Ceará e, com Camilo, tenho certeza de que iremos ter ainda muito mais", confirmou.
O prefeito condenou as afirmações feitas à imprensa pelo próprio candidato e alegou que Eunício está tentando confundir os eleitores cearenses.
“Quero dizer que as declarações do candidato do PMDB são mentirosas, feitas para enganar os eleitores cearenses e, especialmente, os eleitores da minha cidade de Amontada”, afirmou Paulo. Ele também ressaltou que faz parte e acredita no projeto político iniciado pelo governador Cid Gomes no Ceará e entende que muito mais será realizado com Camilo no Governo.

Marinha abre vagas para oficiais com salário de R$ 8 mil

marinhaA Marinha do Brasil, através da sua Diretoria de Ensino (DEnsM) publicou Edital de abertura de 105 vagas destinadas exclusivamente a candidatos do sexo masculino para o Quadro Complementar de Oficiais da Armada (QC-CA) e para o Quadro Complementar de Oficiais Fuzileiros Navais (QC-FN).  Os interessados poderão se inscrever, preferencialmente, através do site AQUI, ou em um dos postos de inscrição da Marinha, no período de 30 de julho a 04 de setembro de 2014. O valor da inscrição é de R$ 45,00.
Serão 82 vagas para o QC-CA e 23 vagas para o QC-FN destinadas a candidatos com menos de 29 anos de idade, com formação em Ciências Náuticas (Áreas de Náutica e Máquinas), além das seguintes Engenharias: Computação, Controle e Automação, Elétrica, Eletrônica, Telecomunicações, Aeronáutica, Ambiental e Sanitária, Bioprocessos, Cartográfica e de Agrimensura, Civil, Fortificação e Construção, Materiais, Mecânica, Mecânica de Veículos Militares, dentre outras.
Após ser aprovado em todas as etapas do concurso público, o candidato fará o Curso de Formação de Oficiais (CFO), de aproximadamente 36 semanas. Depois de ser aprovado no CFO, no final de 2015, os militares serão nomeados no posto de Segundo-Tenente, com remuneração de cerca de R$ de 8.050,00 além de benefícios, como auxílio-fardamento e assistência médico-odontológica.

Felipão é o novo técnico do Grêmio

Luiz Felipe Scolari é o novo técnico do Grêmio. Após a derrota história da seleção brasileira na Copa do Mundo, Felipão foi anunciado nesta terça-feira (29) para comandar o time gaúcho. Ídolo da torcida pelos títulos nos anos 90, o comandante assume imediatamente o clube.
Além de Felipão, o Grêmio também fechou com os auxiliares Flávio Murtosa e Ivo Wortmann para a comissão técnica.
Segundo pesquisas feitas pelo clube, a torcida vê com satisfação a ida do técnico para o Grêmio.
Felipão chega a Porto Alegre nesta quarta, será apresentado e já assume a equipe. A estreia ocorre no sábado, às 21h, diante do Vitória, em Salvador.

Cid Gomes divulga fotos da agência Vapt Vupt do Cariri

Por meio de seu perfil particular no Facebook, o governador Cid Gomes publicou imagens da unidade de serviços públicos batizada de Vapt Vupt, que será inaugurada em Juazeiro do Norte, devendo atender aos moradores da Região do Cariri cearense.
De acordo com o Governo do Estado, a central Vap-Vupt - expressão criada pelo humorista e escritor cearense Chico Anysio - tem como objetivo acelerar o atendimento ao cidadão. Nos postos serão prestados mais de 70 serviços, como a emissão de documentos (carteiras de identidade, títulos, passaportes, cartões únicos, etc) e a renovação da Carteira Nacional de Habilitação.
Ao todo, cinco unidades serão abertas no Ceará, sendo uma um Juazeiro do Norte, outra em Sobral, na Região Norte, e três em Fortaleza, nos bairros de Messejana, Centro e Antônio Bezerra.

Samu terá medicamento que pode reduzir em 17% mortes por infarto

As ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) passarão a contar com medicamentos trombolíticos, que podem diminuir em até 17% o número de mortes por infarto agudo do miocárdio. A portaria que incorpora o tenecteplase deverá ser publicada nos próximos dias.
O ministro da saúde, Arthur Chioro ressaltou que as doenças do sistema circulatório são as que mais matam no Brasil. Segundo o coordenador-geral de Média e Alta Complexidade do Ministério da Saúde, José Eduardo Fogolin Passos, o tenecteplase é um medicamento aplicado de forma muito simples. Mesmo assim, as equipes serão treinadas.
Segundo Fogolin, se o sistema de atendimento levar menos de uma hora para desobstruir a artéria do paciente, há 15% de risco de morte. Caso a desobstrução ocorra em até duas horas, o risco de morte pode dobrar. Fogolin citou estudos segundo os quais cidades que usam esse medicamento no sistema móvel de atendimento podem reduzir em até 17% o número de mortes por infarto.
Em 2012, foram registradas 84.157 mortes por infarto agudo do miocárdio. O Ministério da Saúde espera que, com o medicamento, o Samu possa salvar até 8.368 pessoas por ano.
Fonte: Agência Brasil

Número de jovens cai e de idosos aumenta nas eleições deste ano

Apesar de o eleitorado brasileiro ter crescido 5,17% nos últimos quatro anos, a participação dos jovens aptos a votar em 2014 será menor do que em 2010, informou hoje (29) o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Enquanto no último pleito geral os eleitores com 16 anos eram 900.807 (0,66%), no dia 5 de outubro, eles serão 480.044 (0,34%), uma redução de 420 mil eleitores.
Já o percentual de idosos aptos a votar cresceu no mesmo período. Em 2010, os eleitores com 60 anos ou mais eram 20.769.458 (15,29%). Este ano, 24.297.096 (17,01%) idosos estão em condições de votar.
Na faixa etária até 17 anos também houve redução do número de pessoas aptas a votar. Em 2010, 1.490.545 estavam aptas a participar das eleições. Este ano, 1.158.707 poderão votar – diferença de 331.838 eleitores.
Para o presidente do TSE, ministro Dias Tofolli, essa redução se deve, entre outros pontos, ao envelhecimento da população. Perguntado sobre a possibilidade de um desinteresse do eleitorado mais jovem em relação à política, o ministro disse que essa análise não é da responsabilidade do tribunal. “Isso quem tem responder são os pesquisadores e a imprensa”, limitou-se.
De acordo com o tribunal, o maior percentual de eleitores está na faixa etária de 25 a 34 anos. Ao todo, eles são 33.268.757 (23,29%). Em 2010, os eleitores nessa faixa etária eram 32.790.487 (24,15%). Os eleitores com idade entre 45 a 59 anos são 33.790.849 (23,66%). Nas ultimas eleições gerais, eles eram 30.753.427 (22,65%).
Fonte: Agência Brasil

Moradores reclamam de esgoto a céu aberto na rua Consolação, em Granja

A falta de um saneamento básico eficiente na cidade de Granja faz com que moradores da rua Consolação, no bairro Prado, tenham que conviver com um esgoto a céu aberto que gera transtornos e leva riscos à saúde de quem ali reside. O fato acaba ocasionando reclamações devido a água escura e suja que escorre ao longo da via, do incômodo causado pelo aumento de insetos e do mau cheiro que predomina no local em dias mais quentes.
De acordo com moradores, a situação se agrava ainda mais quando chove pois a água toma conta da rua e acaba  invadindo algumas casas. Quem vive no local afirma que o problema já existe há alguns anos, sem que o poder público tenha tomado uma atitude concreta para resolve-lo.
"Políticos passaram por aqui em época de campanha prometendo uma solução, se elegeram e parece que esqueceram. Há algum tempo atrás um pessoal da prefeitura veio, falou com a gente e nunca mais apareceu", comentou uma pessoa que preferiu não ter o nome divulgado.
Veja algumas imagens produzidas na tarde desta segunda-feira (28):




Fonte: Folha granjense

Os R$ 3,3 bi (da saúde) que Aécio diz que foi para a Copasa. Empresa alega que não recebeu nada

A Justiça de Minas manteve o governo do Estado e a Copasa (Companhia de Saneamento) como réus em uma ação que questiona o repasse de R$ 3,3 bilhões para saneamento básico de recursos que deveriam ter sido aplicados na área da saúde entre 2003 e 2008, na gestão do governador Aécio Neves (PSDB).
A decisão, do último dia 17 de junho, é do juiz Adriano de Mesquita Carneiro, da 5ª Vara de Fazenda Estadual de Belo Horizonte. A Copasa afirma não ter recebido os recursos, que constam na prestação de contas de Aécio Neves aprovada pelo Tribunal de Contas do Estado.
Segundo o Ministério Público Estadual, por meio do promotor de Defesa do Patrimônio do Público Eduardo Nepomuceno, os recursos não poderiam ser considerados como investimento em saúde, área que possui critérios próprios. A Copasa afirma em sua defesa no processo que não recebeu os valores, que no entanto constam na prestação de contas de Aécio Neves enquanto governador de Minas. O lançamento teria ocorrido para atingir investimentos de 12% das receitas em saúde, como previsto pela Constituição Federal.
Na peça processual, o promotor Eduardo Nepomuceno menciona o suposto desvio em três oportunidades: " a ação tem como objeto a hipótese de desvio de recursos públicos com destinação específica" (página 16), "possível desvio de finalidade na utilização dos recursos da saúde" (p.24) e "o desvio de verbas previstas na EC 29 implica em sérios prejuízo para as ações e serviços públicos de saúde" (p.20).
— Questionamos a legalidade do repasse para a Copasa, que não pode ser considerada verba para a saúde. Na ação, o governo do Estado e a Copasa negaram que tivesse havido o repasse, mas na prestação de contas existe essa informação. Ele prestou contas de um recurso inexistente.
Outra ação foi arquivada 
Em fevereiro de 2014, uma segunda ação proposta pela promotora Josely Pontes contra Aécio Neves, para questionar a contradição entre os R$ 3,3 bilhões que aparecem na prestação de contas e a negativa a Copasa em tê-los recebido, foi arquivada pelo Tribunal de Justiça sem análise de mérito. Em junho, o Tribunal manteve o arquivamento.
O juiz Adriano de Mesquita Carneiro considerou que apenas o procurador-geral de Justiça, Carlos Bittencourt, indicado ao cargo pelo então governador Antonio Anastasia (PSDB), poderia abrir investigação contra um ex-governador.
Com a continuidade da ação, a Justiça pode reconhecer que a prestação de contas de Aécio no período continha uma irregularidade de quase R$ 4 bilhões, explica o promotor do Ministério Público.
— O ex-governador pode ser atingido se houver a decisão contrária à prestação de contas, mas seria necessária uma nova ação. O MP pedia a devolução dos valores, mas como os valores não foram repassados, não vai haver devolução. Mas o juiz pode reconhecer que a prestação de contas, aprovada pelo Tribunal de Contas, está errada.