Pages

Subscribe:

About

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Google anuncia fim do Orkut até dezembro

O Orkut está com os dias contados. Considerada a maior rede social do mundo até 2011, quando perdeu espaço para o Facebook, a página de relacionamentos será extinta até o fim do ano. De acordo com a Folha de S. Paulo, o Google já definiu que a partir desta segunda-feira (30) nenhum novo perfil poderá ser criado. Além disso, usuários antigos terão um tempo determinado para salvar todos os seus dados que estão na rede, como fotos e depoimentos. A decisão do Google se deu não apenas pelo fato de o Orkut ter perdido espaço para o Facebook, mas porque a empresa aposta no Google+. Sendo assim, a ideia é migrar todos os usuários do Orkut para esta rede social. Embora os perfis sejam extintos, as comunidades terão tratamento diferenciado. Parte delas não será apagada, mas mantida no ar de forma "congelada". Os internautas poderão acessar e ler, mas não poderão mais publicar nada. O Google pretende tirar a página do ar no dia 31 de dezembro.

Perda de cabelo repentina afeta 1 em 500 mulheres

A colunista Alice Smellie, do jornal Daily Mail, passou por uma experiência que a fez se sentir “velha, pouco atraente e nada sensual”. Em outubro de 2011, descobriu um círculo sem cabelos. O médico constatou alopecia areata, nome dado a queda repentina de cabelo em áreas delimitadas, que pode atingir uma em 500 mulheres, variando de apenas um círculo sem cabelo até perda total dos fios. O quadro pode se reverter em questão de meses ou não ter cura. O cabeleireiro notou o círculo de 5 cm de diâmetro sem fios e mostrou para Alice. “Olhei para o local incapaz de dizer qualquer coisa. Em seguida, as lágrimas desceram. É difícil descrever porque perder um pequeno pedaço de cabelo era tão devastador. Não era uma ameaça à vida. Mas você não tem ideia de quanto valoriza o seu cabelo até que ele caia.” O médico deu o diagnóstico: alopecia areata, um problema autoimune. Não há causa definida, embora possa ser incentivada por eventos estressantes, como luto, mudança de casa e parto. Mas remover a causa do estresse não significa necessariamente que o cabelo pode crescer novamente. Segundo Alice, três meses antes, teve um susto relacionado à saúde, que pode ter sido o gatilho. Fora isso, tem histórico familiar de doenças autoimunes, como problemas de tireoide.
O médico prescreveu esteroide tópico, que deveria ser aplicado na área todos os dias por algumas semanas. Começou a evitar lugares com muitas pessoas e usava tiaras e chapéus. Mas a perda de cabelo aumentou e a região afetada passou a ter 10 cm de diâmetro. Vale dizer que um em cinco pacientes vai ter apenas um círculo sem fios, enquanto um em 10 perde mais de 40% deles. Um dermatologista especialista recomendou o uso por seis semanas de esteroides orais e sugeriu que aplicasse minoxidil. “Uma semana praticamente sem dormir mais tarde (cortesia dos efeitos colaterais da nova droga), meu cabelo ainda estava caindo e tinha engordado 2,3 kg. O ganho de peso pode ser o efeito colateral mais pronunciado de esteroides, que podem deprimir o seu metabolismo e aumentar a retenção de água. Também sofri mudanças terríveis de humor.” No fim de fevereiro de 2012, notou que os cabelos voltaram a crescer na região. Continuou a aplicar esteroide tópico e minoxidil até recuperar tudo. Depois de quase um ano, já estavam praticamente do mesmo tamanho que o restante. “Não deixei que o cabeleireiro tocasse nos fios por um ano. Estava muito preocupada com a possibilidade de cair novamente, embora não há absolutamente nenhuma ligação com qualquer produto de cabelo. Levei seis meses para perder o peso.” Embora não haja números definitivos, alopecia muitas vezes retorna e não é possível saber quanto isso pode acontecer. “Dois anos depois, ainda vou para o espelho todas as manhãs só para verificar os cabelos. No entanto, também sei agora que a parte realmente assustadora não era a perda de cabelo, mas a incerteza. E espero, se acontecer de novo, estar pronta para lidar com isso.”

Portadores do HIV têm mais defesa contra gripe A

Pessoas infectadas com o vírus do HIV são menos suscetíveis ao vírus H1N1, causador da gripe A. A conclusão é de um estudo do Instituto Oswaldo Cruz (IOC), publicado nesta segunda-feira (30) na revista científica Plos One. O pesquisador Thiago Moreno explica que o HIV protege para que o organismo não fosse infectado por outro por conta da competição. De modo científico, o HIV usa uma proteína (IFITM3) capaz de inibir a replicação do vírus H1N1 ao responder à defesa da célula que ele ataca. “Durante a pandemia de 2009, foi surpreendente observar que indivíduos infectados pelo HIV não tiveram uma maior gravidade quando infectados pelo H1N1. É surpreendente porque, pela condição deles de imunocomprometimento devido à infecção pelo HIV, era esperado o contrário, que foi o que ocorreu com outros indivíduos imunocomprometidos, como os portadores de câncer e os transplantados”, disse o pesquisador. Como o objetivo de buscar novos tratamentos do vírus da Aids, o próximo passo do estudo é detectar qual é o efeito do influenza sobre o HIV. As informações são da Agência Brasil.

Mais de R$ 300 mil serão investidos em saúde pública Publica

                PREFEITA ASSINA ORDEM DE SERVIÇO DURANTE A                                       REINAUGURAÇÃO DO POSTO DE SAÚDE DA OLINDA
Durante a solenidade de reinauguração da UBASF José Waldemar de Alcântara e Silva, no Bairro Olinda, neste sábado (28/06), a Prefeita Monica Aguiar assinou ordens de serviço para a ampliação de três unidades básicas de saúde na zona rural de Camocim, foram elas: UBASF do Maceió, UBASF do Guriú e UBASF Dr. José Vieira Ibiapina, nas Flamengas.
Ao todo serão aplicados R$ 324.352,33 nas ampliações. Com estas ações a Prefeitura pretende melhorar o atendimento primário também na zona rural do município. “Entregamos a Unidade Básica de Saúde da Olinda, mas também ampliaremos estas três unidades na zona rural além da Unidade Básica de Saúde dos Quilômetros.”, destacou Monica, mostrando as obras que já estão em andamento no município.
Na Olinda, a UBASF José Waldemar deverá atender pouco mais de 700 famílias. A equipe de saúde que servirá aquela comunidade conta com médico, dentista, enfermeiro, auxiliares de enfermagem e agentes comunitários de saúde.
Com informações da Assessoria de Comunicação da PMC

Mauro Filho é confirmado como candidato ao Senado pelo Pros

O grupo do governador Cid Gomes escolheu o deputado estadual Mauro Filho como candidato do PROS ao Senado. O candidato da coligação com o PT e outros 14 partidos ao Governo do Estado será o deputado estadual Camilo Santana. O nome de Mauro Filho surgiu na madrugada da última sexta-feira durante reunião na residência oficial do governador. No encontro, estavam os pré-candidatos a governador e o deputado federal José Nobre Guimarães. O nome de Mauro foi confirmado na tarde desta segunda-feira.
Integrante do grupo político liderado pelos irmãos Ferreira Gomes, Mauro Filho entrou na política, em 1990, pelas mãos do então prefeito de Fortaleza, Ciro Gomes, para disputar o seu primeiro mandato de deputado estadual. Antes, durante a gestão de Ciro na Prefeitura, exerceu o cargo de Secretário de Finanças.
Em 1990, foi eleito, pelo PMDB, para o primeiro mandato na Assembleia Legislativa, sendo reeleito em 1994, 1998, 2002, 2006 e 2010. Mauro acompanhou todos os passos partidários dos irmãos Ciro e Cid Gomes nos últimos 20 anos.
Quando Ciro saiu do PMDB, à época liderado pelo então Governador Tasso Jereissati, em direção ao PSDB, Mauro o acompanhou. Em seguida, a caminho do rompimento com Tasso, Ciro foi para o PPS, depois para o PSB e, por último, para o PROS. Todos os caminhos foram seguidos por Mauro Filho que exerceu cargos de Secretário de Planejamento do Estado (Governo Ciro), de Administração (Governo Lúcio Alcântara) e Fazenda (Governo Cid Gomes).
Se eleito em 2014, na disputa ao Senado contra o candidato do PSDB, Tasso Jereissati, Mauro Filho poderá repetir a trajetória do pai, Mauro, que exerceu o mandato de senador na década de 70 e nos anos 80.
Perfil
O PROFESSOR DOUTOR MAURO BENEVIDES FILHO é formado em Economia pela Universidade de Brasília (UnB) e Ph.D na mesma área pela Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos. Em outubro de 1985 foi aprovado em concurso público para ingressar no quadro acadêmico do Curso de Mestrado e Doutorado em Economia (CAEN) da Universidade Federal do Ceará (UFC), onde atualmente exerce as funções de Professor.
O Professor Mauro Filho tem trabalhos publicados como " Background Familiar e a Distribuição de Renda no Brasil", Revista Econômica do Nordeste, Abril/junho,vol.18,1987; "Income Distribution in Brazil: 1970 – 1980 compared" , Vanderbilt University Press, maio de 1985. Publicou ainda, de 1986 a 2010 livros com a avaliação do processo eleitoral cearense.
Na área política e administrativa exerceu, em 1989, o cargo de Secretário da Fazenda da Prefeitura Municipal de Fortaleza, na gestão do Prefeito Ciro Gomes, eliminando o déficit crônico orçamentário oriundos dos oito anos anteriores a sua gestão. Em abril de 1990, renunciou ao cargo de Secretário para se candidatar a uma cadeira de Deputado Estadual, elegendo-se com expressiva votação.
Em março de 1991 foi convidado pelo Governador Ciro Gomes para exercer a função de Secretário de Planejamento e Coordenação do Estado do Ceará. Já em 1993 foi designado pelo Governador para exercer as funções de Secretário da Casa Civil, onde promoveu a articulação política e administrativa do Governo Estadual. De 1994 a 2010 foi reeleito – sucessivamente - Deputado Estadual.
Em 2007 foi convidado pelo Governador Cid Gomes para gerir a pasta da Secretaria Estadual da Fazenda, sendo reconduzido a mesma, em 2011, para continuar o trabalho de reduzir a carga tributária incidente sobre a população menos favorecida e elevar a capacidade de investimento do Estado.
Comissões
Orçamento, Finanças e Tributação (Membro)
Industria, Comercio, Turismo e Serviço (Suplente)

Nicolle Barbosa renuncia a vice do PSB

A industrial Nicolle Barbosa renunciou na noite desta segunda-feira (30) a condição de vice-governadora na chapa do PSB, encabeçada por Eliane Novais.
Ela havia sido anunciada na convenção do partido, na tarde desta segunda-feira, na Câmara Municipal de Fortaleza, mas renunciou horas depois após afirmar ter “refletido melhor”.
O partido confirmou Leonardo Baima, da Associação dos Jovens Empresários (AJE), como vice de Eliane Novais.
Confira a carta renúncia de Nicolle Barbosa:
Exmo. Senhor Presidente Estadual do PSB Ceará, Sergio Novais, Companheiros de Partido e Sociedade Civil Cearense;
Venho por esta via, com a máxima consideração e total respeito pelos companheiros do partido e pela sociedade civil do Ceará, apresentar minha RENÚNCIA à candidatura à vice-governadora do Estado do Ceará na chapa do PSB/Rede, aprovada na Convenção Estadual, na tarde desta segunda-feira, 30, na Câmara Municipal de Fortaleza. Na oportunidade, renuncio também à presidência do Diretório Municipal de Fortaleza.
Tendo em vista a maneira como foi imposta pelo Presidente do Partido no Ceará, Sergio Novais, a minha candidatura a vice-governadora na chapa encabeçada pela Deputada Estadual Eliane Novais, de forma intempestiva, sem me assegurar o mínimo de tempo para fazer reflexão do que estava acontecendo, profundamente constrangida e, em respeito aos convencionais presentes, fui compelida a concordar. Diante desses fatos, não me resta outra atitude digna, senão renunciar.
Nos últimos oito meses, trabalhei arduamente, não medi esforços para reconstruir o PSB Estadual e Municipal de Fortaleza, visando, de fato, uma NOVA POLÍTICA. Nesse período, construímos um Programa de Governo, resultado de encontros em todas as regiões do Estado, ouvindo a sociedade e buscando o melhor para o Desenvolvimento Socioeconômico do Ceará. Projeto esse, que já entreguei, em mãos, ao Presidente Nacional do PSB, Eduardo Campos.
Saio com a consciência leve, tranquila de ter dado o melhor de mim, mas não abro mão de continuar trabalhando pela NOVA POLÍTICA de Eduardo Campos e Marina Silva. Nesse sentido, vamos, juntos com a Rede Sustentabilidade, criar o Comitê Suprapartidário pela eleição de Eduardo e Marina.

Atenciosamente,

Nicolle Barbosa

SDD adia para às 23 horas decisão de apoio a Camilo ou a Eunício

conveção sdd peqUm partido rachado e dividido nos rumos da sucessão estadual. É, assim, a situação interna no Solidariedade que tem a maioria dos pré-candidatos à Assembleia Legislativa contrária ao apoio do partido ao candidato do PT ao Governo do Estado, Camilo Santana.
Durante a convenção aberta, às 15 horas, no auditório Murilo Aguiar, da Assembleia Legislativa, o deputado Fernando Hugo, disse que vai propor aos demais membros da Executiva, que o presidente estadual do SDD, Genecias Noronha, fique com a incumbência de definir qual candidato a governador apoiará: se Camilo ou Eunício Oliveira (PMDB).
Enquanto o deputado estadual Lucílvio Girão defendia, em seu discurso o governo Cid Gomes, os demais militantes presentes gritaram o nome do senador Eunício Oliveira. Genecias antecipou antes da abertura a convenção, que a decisão será tomada somente na noite desta segunda-feira. O prazo para realização das convenções e homologação de candidaturas e alianças partidárias termina às 23:59 minutos. No campo nacional o SDD já fechou apoio à candidatura do tucano Aécio Neves, à Presidência da República.
Fonte: Ceará Agora

Tasso é confirmado como candidato ao Senado

O PSDB confirmou na tarde desta segunda-feira (30) que Tasso Jereissati é candidato ao Senado na chapa encabeçada pelo peemedebista Eunício Oliveira.
Com a confirmação de Tasso na eleição deste ano, o palanque do tucano Aécio Neves sai fortalecido no Ceará.
O candidato a governador pelo PMDB, senador Eunício Oliveira, prestigiou a convenção estadual do PSDB, que ocorreu na sede do partido.
o PPS terá direito a indicar o segundo suplente do senador. O partido já tem até um indicado: o diretor da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), regional Ceará, Régis Medeiros.
No pleito de 2010, Régis foi suplente do então candidato a senador pelo PPS, Alexandre Pereira. Ocupou também a segunda suplência, enquanto a filha de Roberto Pessoa, hoje deputada estadual Fernanda Pessoa, estava na primeira suplência.
Fonte: Blog do Eliomar
Atualizando...
Tasso terá o vice-presidente estadual do DEM, Chiquinho Feitosa, como primeiro suplente. Já o segundo suplente dele é o médico Fernando Façanha.

Sob pressão, PSB lança Eliane Novais ao governo e Nicolle será vice

foto 1As pressões de militantes e da pré-candidata ao Governo do Estado, Nicolle Barbosa, fizeram o comando estadual do PSB recuar na aliança com o PMDB e lançar a deputada estadual, Eliane Novais, à sucessão do governador Cid Gomes (PROS). Nicole chegou a convenção na condição de pré-candidata e ao sentar à mesa foi surpreendida com a proposta do presidente da executiva regional, Sérgio Novais, de lançar a irmã, Eliane, ao Palácio da Abolição.
Sérgio propôs que a vaga de vice fosse ocupada por Nicole e pediu para que a empresária refletisse sobre a sugestão, que não teve tempo para responder.
A professora e advogada Geovanna Cartaxo disputará o Senado, mas não terá o apoio dos militantes da Rede Sustentabilidade – grupo ligado a ex-senadora Marina Silva. A chapa pura do PSB – com três mulheres, foi oficializada na convenção estadual realizada na tarde desta segunda-feira (30/06), na Câmara Municipal de Fortaleza.
foto 2A convenção foi antecedida de notícias sobre as pressões exercidas para o PSB se coligar ao PMDB e ao PPS nas eleições deste ano. O Ceará Agora antecipou o movimento para derrubar Nicolle. Novais chegou a conversar com o candidato do PMDB ao Governo do Estado, Eunício Oliveira, sobre a entrada do PSB no chamado blocão da oposição. Novais queria uma aliança com o PMDB para eleger Eliane à Câmara Federal. O plano deu errado.
A então pré-candidata do PSB ao Governo, Nicolle Barbosa, reagiu, foi à direção nacional do partido, publicou notas com críticas a possível coligação e, no jogo de pressão, acabou  tendo a candidatura rifada. Sob pressão, Novais articulou o lançamento da irmã, Eliane, ao Palácio da Abolição, construindo, assim, mais um palanque de oposição ao Governo do Estado na campanha eleitoral. “Laranjada não dá”, bradou um militante da Rede Sustetabilidade nos corredores da Câmara Municipal de Fortaleza.
Fonte: Ceará Agora

Já candidato, Arruda promete apoio a Aécio Neves

A convenção do PR no Ginásio Serejinho, em Taguatinga, marcou ontem oficialmente o retorno às urnas do ex-governador José Roberto Arruda. Ao lado do senador Gim Argello (PTB), da ex-primeira-dama Weslian Roriz (PRTB) e do ex-deputado federal Alberto Fraga (DEM), ele afirmou que quer voltar ao governo nos “braços do povo” e declarou apoio ao candidato à presidência Aécio Neves (PSDB).
Ainda sem vice em sua chapa, Arruda deverá anunciar, entre hoje e amanhã, o nome de Eliana Pedrosa, que negocia sua liberação com a executiva nacional do PPS. O partido sinalizou, na semana passada, ser contra a aliança com o ex-governador.
REDE DE ESCÂNDALOS
VIOLAÇÃO DO PAINEL DO SENADO
Envolvimento
Quando foi líder do governo no Congresso, José Roberto Arruda também obteve uma cópia da lista de votos. Foi ele mesmo quem
encomendou a fraude.
O que aconteceu
José Roberto Arruda, Foi o primeiro a renunciar, em maio de 2001, em meio aos escândalos. Evitou assim ser cassado e perder seus direitos políticos. A denúncia contra ele foi também arquivada pelo STF em 2003. Após o episódio da violação do painel voltou à política em 2002, como deputado distrital do DF, pelo DEM, defendendo o fim do voto secreto na Câmara. Em 2006 foi eleito governador do Distrito Federal, mas teve seu mandato cassado em 2010 acusado de ser peça-chave no esquema que ficou conhecido como mensalão do DEM. Em agosto de 2012, onze anos após a eclosão do escândalo, foi condenado pela Justiça Federal em Brasília por improbidade administrativa. A sentença estabelece a suspensão de seus direitos políticos por cinco anos, pagamento de cem salários de senador (contracheque da época da cassação de Estevão) e ainda a proibição de ter contratos com o poder público ou receber benefícios dele. Seu advogado vai recorrer da decisão.
Filiou-se ao PR em outubro de 2013, com as bênçãos de Valdemar Costa Neto, mensaleiro e maior articulador do partido, mas ainda não definiu qual cargo disputará nas eleições de 2014.
Saiba mais sobre os escândalos que envolveram José Roberto Arruda AQUI, AQUI, AQUI, AQUIAQUI e AQUI.

"Samba do críoulo doido": Antigos rivais, Luizianne Lins (PT) pode se aliar a Tasso (PSDB) e Eunício

A ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, cumprindo o que afirmara recentemente, não deve mesmo apoiar a candidatura de Camilo Santana (PT) ao Governo do Estado. Ela declarou várias vezes que não apoiaria nenhum nome ligado à família Ferreira Gomes, ainda que do Partido dos Trabalhadores.
Assim, aumentam as chances de Luizianne e seu grupo dentro do PT apoiarem Eunício Oliveira (PMDB) na disputa pelo Palácio da Abolição. Dessa forma, a petista se uniria, por tabela, ao seu histórico opositor Tasso Jereissati, que também endossa o coro pró-Eunício.
Para reverter a situação, Camilo vai se reunir com Luizianne e a ala anti-Ferreira Gomes do PT no escritório do deputado estadual Antonio Carlos nesta terça-feira (01). Segundo informações, será argumentado a Lins que, se ela não vier a apoiar Santana publicamente, pelo menos não declare voto em Eunício.
Com C News

PSB lança ao Governo do Ceará, Eliane Novais que é amiga de Roberto Pessoa, vice de Eunício

O diretório do Partido Socialista Brasileiro no Ceará realizou sua convenção estadual na tarde desta segunda-feira (30), onde foi anunciada a candidatura da deputada estadual Eliane Novais para a disputa ao Governo do Estado do Ceará. O evento aconteceu na Câmara de Vereadores de Fortaleza e contou com a presença do presidente da Casa, vereador Walter Cavalcante (PMDB).
Na chapa “puro sangue” aprovada pela legenda, a candidata ao cargo de vice é a empresária Nicolle Barbosa, que, até então, estava sendo indicada para o comando do Executivo estadual. Fechando a lista está Geovana Cartaxo disputando a vaga ao Senado Federal.
Mesmo filiada ao PSB, Geovana representa a REDE, grupo encabeçado pela ex-senadora Marina Silva, que não conseguiu autorização da Justiça Eleitoral para participar do pleito deste ano e estruturou uma coligação com os socialistas.
com Ceará News 7

Tá no Sobral de Prima: Jornalista a serviço

O jornalista que acha que tudo sabe e diz sempre que tem "bombas" errou feio e seus chutes foram realmente só chutes. A serviço de quem paga mais o rapaz na verdade não chutava, mas propagava o que seus chefes mandavam.

Marinha abre 395 vagas em cinco concursos

empregos 1Interessados em ingressar na Marinha do Brasil devem estar atentos ao prazo de inscrição para seleções
Para quem sonha em ingressar na Marinha, esta pode ser uma boa hora para tentar uma oportunidade. A corporação conta, no momento, com cinco concursos públicos em fase de recebimento de inscrições. Ao todo, eles visam ao provimento de 395 vagas em todo o País.
As ofertas são destinadas a candidatos de todos os níveis escolares, no entanto, algumas delas exigem, ainda, requisitos de idade ou experiência. Inscrições e editais estão disponíveis em www.Ensino.Mar.Mil.Br.
Colégio Naval
Sediado em Angra dos Reis (RJ), o colégio da Marinha busca 230 jovens para o curso de preparação de aspirantes. Os interessados devem ter idade entre 15 e 18 anos (em janeiro de 2015) e ter concluído o ensino fundamental (ou estar em fase de conclusão). Inscrições poderão ser realizadas até 28 de julho e a taxa custa R$ 20.
Quadro de oficiais
Outra seleção visa preencher 46 vagas, sendo 34 para homens e 12 para mulheres, no quadro de oficiais do Corpo da Armada, do Corpo de Fuzileiros Navais e do Corpo de Intendentes da Marinha.
Para participar, é preciso idade entre 18 e 23 anos (em janeiro de 2015), além de ter concluído o ensino médio (ou estar em fase de conclusão).
Será possível se candidatar até o dia 31 de julho, pagando uma taxa de participação no valor de R$ 20.
Praças da Armada
Profissionais de nível técnico podem concorrer às 40 vagas no quadro de praças da Armada da Marinha.
As ofertas são para as áreas de eletroeletrônica (comunicações interiores e eletricidade) e mecânica (máquinas e motores), porém, admitem candidatos com formação em outras áreas. Com taxa de R$ 12, as inscrições vão até 9 de julho.
Corpo de engenheiros
Até o dia 24 de julho seguirão abertas também as inscrições para o concurso de ingresso ao corpo de engenheiros da Marinha. No total, são oferecidas 73 vagas a candidatos com diploma de nível superior em arquitetura e diversas áreas da engenharia, como civil, elétrica, cartográfica, de produção, entre outras. A taxa de participação é de R$ 45.
Capelães navais
A Marinha também seleciona seis candidatos a capelão naval, sendo quatro da Igreja Católica Apostólica Romana, um pastor da Igreja Assembleia de Deus e um da Igreja Batista. É requisito idade entre 30 e 41 anos, além de experiência de três anos. A taxa é de R$ 45 e o prazo vai até 15 de julho.
Fonte: Diario on line

Anatel abre 100 vagas e salários vão até R$ 11 mil

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou o edital do concurso para 100 vagas para os níveis médio e superior. Do total de oportunidades, 32 serão para o nível médio: 20 para técnico administrativo e 12 para técnico em regulação de serviços de telecomunicação. Já no superior, a oferta total será de 68 oportunidades, distribuídas pelos cargos de analista administrativo, com 20, e especialista em regulação de serviços de telecomunicações, com 48. Haverá também formação de cadastro de reserva.
Salários
Os salários oferecidos para para técnicos administrativos são de R$5.791,25, enquanto que os ganhos dos técnicos em regulação será de R$ 6.047,25. Já a remuneração será de R$10.916,90 para os analistas, e de R$ 11.776,90 para os especialistas. Todos os valores já estão inclusos os R$373 de auxílio-alimentação. As inscrições poderão ser feitas no site do Cespe/UnB, organizador do certame, a partir do dia 11 de julho até o dia 1º de agosto. As taxas são de R$50 para o nível médio e de R$100 para o superior.
A avaliação dos concorrentes será por meio de provas objetivas para todos os cargos. Esses exames serão realizados em 14 de setembro, e serão compostos por 120 questões, sendo 50 de Conhecimentos Básicos e 70 de Específicos. Haverá ainda avaliações discursivas e de títulos para o superior, e curso de formação apenas para os especialistas e analistas.
ERVIÇO
Informações:
Inscrições: 11/7 a 1/8/2014
Taxa: R$ 50,00/R$ 100,00
Data da prova: 14/9/2014
Remuneração: até R$ 10.543,90
Organizadora: Cespe/UnB
Saiba mais
Todas as etapas serão realizadas em Brasília. O prazo de validade do concurso é de um ano, podendo ser prorrogado por igual período. As vagas serão destinadas a Brasília, onde fica a sede da autarquia, porém os aprovados têm a possibilidade de mudar de cidade. As contratações serão em regime estatutário.
Fonte: O Povo

Zezinho Albuquerque não quer ser vice

O presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, que constava na lista dos governamentáveis do Pros, já mandou avisar ao governador Cid Gomes: não quer estar na chapa como vice-governador na disputa deste ano.
Ele prefere postular de novo um mandato de deputado estadual e, quem sabe, de acordo com resultado do pleito, voltar a comandar a Casa Legislativa. O desejo de Zezinho fora revelado a vários correligionários seus.
Nesta segunda-feira, o Pros, que já apoia o nome de Camilo Santana para governador, deve ratificar Mauro Filho para a disputa de senador. O imbróglio continua sendo a posição de vice. Há quem defenda o nome da ex-secretária estadual da Educação, Izolda Cela, que constava na lista dos governamentáveis.
Fonte: Blog do Eliomar

TCM amplia espaços da Diretoria de Tecnologia

O Tribunal de Contas dos Municípios, em função das inovações que está incorporando com o uso intensivo da informática em suas operações de rotina, acaba de ampliar consideravelmente o espaço destinado à Diretoria de Tecnologia da Informação (DITEC). Esse setor dispõe agora de 150 m² de acomodações, o que representa mais de 50% do tamanho anterior.
A iniciativa, conforme o presidente do TCM, Francisco Aguiar, faz parte “do processo de modernização e informatização da instituição, que vem sendo encarado como prioridade”. Ele lembra, por exemplo, o recebimento das prestações de contas mensais pela internet – SIMWEB, a implantação do processo eletrônico e da política de segurança da informação e a aquisição de ferramenta de BI – Business Intelligence, aprimorando assim, as atividades de fiscalização e disponibilização de informações através do Portal da Transparência.
Fonte: TCM

Após 41 anos, filho do Cariri comandará Estado do Ceará

Fotor063092424As eleições de 2014 tem um significado diferente e de reconquista de poder para a Região do Cariri, a mais populosa do Interior do Ceará: após 41 anos, um nome do Cariri voltará a comandar os destinos administrativos e políticos do Estado. Com a tendência de polarização entre os candidatos do PT, Camilo Santana, e do PMDB, Eunício Oliveira, um dos dois ocupará a cadeira de governador a partir do dia primeiro de janeiro de 2015. Camilo nasceu na cidade do Crato, e Eunício, em Lavras da Mangabeira.
O último líder político da Região do Cariri a governar o Ceará foi Adauto Bezerra. Filho de Juazeiro do Norte, Adauto trilhou os caminhos da política após carreira no Exército. Exerceu mandatos de deputado estadual, deputado federal, governador do Estado entre 1974 e 1978, e vice-governador. Nos anos 90 e na primeira década deste século, a posição política mais expressiva do Cariri  foi dada ao empresário Reginaldo Duarte que ficou como suplente dos senadores Beni Veras e Luiz Pontes, chegando a assumir o mandato por cinco anos.
Adauto foi governador nomeado pelo então presidente da República, Ernesto Geisel, no período da ditadura militar. Em 1978, saiu do Governo para concorrer à Assembleia Legislativa e, em 1982, foi eleito vice-governador na chapa de Gonzaga Mota. Quatro anos depois, Adauto rompe com Gonzaga e decide, pelo PDS, concorrer ao Governo do Estado contra o jovem empresário Tasso Jereissati (PMDB). Tasso ganhou, Adauto mergulhou na iniciativa privada e saiu da cena política e eleitroal.
A orfandade política do Cariri fez com que a região perdesse força, nas últimas quatro décadas, no cenário estadual. Após a liderança exercida pelo então Governador Adauto Bezerra, a Região ficou sem expressão política, embora tenha se mantido sempre com bom número de representantes na Assembleia Legislativa e Câmara Federal. Sob o olhar e a liderança de Adauto, o Cariri demonstrava unidade política, mais centralização e menos divisões. Os conflitos entre as bases eleitorais de deputados estaduais e federais deixaram a região relegada a um plano secundário. Aos poucos, ficou cada vez mais caracterizada a presença de nomes de outras regiões do Ceará na disputa pelos votos à Assembleia Legislativa e Câmara Federal, fragilizando a liderança política da região.
Fonte: Ceará Agora

DEM, PSB, PSDB, PR e SDD realizam convenções nesta 2a

Cinco partidos realizam, nesta segunda-feira, convenções estaduais para definir candidaturas majoritárias e proporcionais e fechar alianças com outras siglas. As convenções de hoje são do DEM, PSB, PSDB, PR e SDD (Solidariedade). Dos cinco partidos, três enfrentam problemas internos para oficializam as alianças partidárias.
Os dirigentes do PSB já conversaram com aliados do senador Eunício Oliveira para definir uma coligação proporcional – candidaturas à Assembleia Legislativa e Câmara Federal. O isolamento do PSB impede o partido de eleger deputados estaduais e federais. Com isso, os socialistas poderão sacrificar a pré-candidatura de Nicolle Barbosa ao Governo do Estado.
O Solidariedade enfrenta, também, problemas internos. O deputado estadual Fernando Hugo avisou ao comando estadual da sigla que não tem como votar no candidato do PT, Camilo Santana. O SDD realiza convenção a partir das 15 horas na Assembleia Legislativa, mas, para as lideranças do partido, o dia começou mais cedo com reuniões dos deputados estaduais e pré-candidatos sobre uma possível coligação com o PT/PROS ou com o PMDB.
No DEM, o presidente da Executiva Regional, Moroni Torgan, é aliado do Grupo de Cid Gomes, mas a direção estadual mandou o partido no Ceará se aliar ao PSDB e ao PMDB em apoio ao candidato Aécio Neves à Presidência da República. Moroni não participou nesse domingo da convenção do PMDB, nem foi à convenção do PT/PROS.
O PSDB e PR, também,irão oficializar a aliança com o PMDB, DEM e PPS. Os tucanos tem na agenda a homologação da candidatura do ex-senador Tasso Jereissati ao Senado. O PR realiza a convenção, em Maracanaú, para reafirmar apoio ao PMDB e oficializar o nome do ex-prefeito Roberto Pessoa como candidato a vice de Eunício Oliveira.

Aécio escolhe vice e Tasso fica livre para o Senado

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, comunicou, nesse domingo, ao ex-governador e ex-senador Tasso Jereissati ter escolhido o senador Aloysio Nunes (SP) para companheiro de chapa na corrida ao Palácio do Planalto. Tasso era um dos nomes cotados para a vice e, após a decisão de Aécio Neves, fica livre para ter o nome homologado, nesta segunda-feira, na convenção estadual do PMDB, para concorrer ao Senado na chapa do peemedebista Eunício Oliveira.
Aécio demorou escolher o nome, mas, embora tivesse o nome do cearense entre as alternativas para vice, fez a opção por São Paulo, maior colégio eleitoral do País. O tucano sentia ainda a necessidade de entrar com mais força em São Paulo e dá uma demonstração de compromisso com a ala do PSDB comandada pelo ex-governador José Serra e pelo atual governador Geraldo Alckmin.
Serra e Alckmin,  assim como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, foram consultados sobre o vice e endossaram a escolha. O nome será homologado nesta segunda-feira. Com chapa montada, Serra começa, a partir de amanhã, terça-feira, a definir a agenda de visitas aos estados. O Ceará está no roteiro de viagens para este mês de julho.
Fonte: Ceará Agora

Moroni, presidente do DEM, não vai ao PMDB, nem ao PROS

O presidente da Executiva Regional do DEM, Moroni Torgan, se viu, neste domingo, na maior saia justa da sua trajetória política no Ceará. Integrante da base de apoio ao Governo Cid Gomes e com aliados ocupando cargos na administração estadual e na Prefeitura de Fortaleza, Moroni trabalhou e costurou a ida do DEM para o palanque com o PROS. Uma orientação da Executiva Nacional do DEM redirecionou os caminhos do partido para apoiar a candidatura de Eunício Oliveira ao Senado e, no Ceará, a candidatura do tucano Aécio Neves à Presidente da República. O DEM está coligado em todo o País com o PSDB.
Moroni ainda tentou convencer os dirigentes nacionais sobre a situação da sigla no Ceará e foi votado vencido. O DEM está na aliança com o PMDB e indiciou o nome do empresário Chiquinho Feitosa para a vaga de primeiro suplente de Tasso Jereissati ao Senado. O PSDB homologa, nesta segunda-feira, a candiatura do ex-governador para disputar o Senado e a coligação com o PSDB, PR, PMDB e PPS. Desnorteado e, diante do impasse, Moroni não foi à Convenção do PMDB, onde estavam militantes e dirigentes do DEM, nem participou da Convenção do PROS e PT, onde se encontravam os seus aliados, entre eles o Governador Cid Gomes e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio.

Preço de remédios de tarja preta e vermelha pode cair 11%

O governo publicou nesta sexta-feira (27) a atualização da lista de substâncias usadas na produção de remédios de tarjas preta e vermelha, e que têm isenção de PIS/Cofins. Com a isenção, a expectativa da indústria farmacêutica é uma queda de até 11% nos preços desses medicamentos. A última vez que o governo atualizou a lista, que hoje tem 1.643 itens, foi em 2007.
A estimativa de redução é da Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (Interfarma). Entre os produtos, estão os remédios para tratamento de câncer, de uso crônico, como para hipertensão, diabetes e asma. Ao todo, a lista, publicada no Diário Oficial da União traz 174 itens que terão a isenção. As substâncias fazem parte da composição de medicamentos de tarja preta, vermelha e de alguns produtos para hemodiálise e para alimentação por sonda. Com a atualização, 75,4% dos medicamentos vendidos no país ficarão isentos de PIS/Cofins, segundo o Ministério da Saúde.
Fernando Sampaio, diretor da Interfarma, explica que a Lei 10.147/00 prevê que todos os produtos com as tarjas podem ter a isenção, mas o incentivo fiscal ocorre somente quando o remédio tem os princípios ativos listados em decreto.
“Hoje, mais de 65% do faturamento do setor farmacêutico já estão isentos. São os produtos para as doenças mais graves, doenças crônicas, doenças contagiosas. Os que não estão são os sem prescrição, e os para doenças menos graves, exemplo disfunção erétil, obesidade”, disse Sampaio, acrescentando que “o ideal é que o beneficio fosse para todos os produtos com tarja ou que todo ano o governo publicasse uma lista”.
De acordo com o Ministério da Saúde, a seleção das substâncias isentas leva em consideração se o remédio é para patologias crônicas e degenerativas; se atende aos programas de saúde do governo instituídos por meio de políticas públicas e se o produto é essencial para a população. Para terem o incentivo, os medicamentos devem estar sujeitos à prescrição médica, ser identificados por tarja vermelha ou preta e destinados à venda no mercado interno.
Fonte: Agência Brasil

Mais Médicos supera meta e beneficia 50 milhões de brasileiros, afirma Dilma

A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (30) que o Programa Mais Médicos superou a meta de cobertura e beneficia, atualmente, 50 milhões de pessoas em todo o país. O número inicial estipulado era chegar a 46 milhões de brasileiros.
Segundo ela, todos os pedidos de prefeitos por médicos para suas cidades foram atendidos. O Mais Médicos está presente em 3.819 municípios. São 14.462 médicos (brasileiros e estrangeiros) atuando em postos de saúde no Brasil.
“O Mais Médicos é uma das nossas ações que aumenta a capacidade de atendimento do SUS [Sistema Único de Saúde]. Muitas cidades não tinham sequer um médico. A pessoa que precisasse de atendimento tinha que se deslocar para outra cidade, às vezes, a dezenas e dezenas de quilômetros de distância – de carro, de ônibus e até mesmo de barco, algumas iam a pé.”
No programa semanal Café com a Presidenta, Dilma também comentou pesquisa do Ministério da Saúde que aponta redução de 21% no número de encaminhamentos a hospitais feitos por postos de saúde onde há atuação de profissionais do Mais Médicos.

Propaganda eleitoral proibida a partir de 3ª feira

A partir da próxima terça-feira (1º) não será permitida a veiculação de propaganda partidária gratuita e de nenhum tipo de propaganda política paga no rádio e na televisão. A norma, prevista no Calendário Eleitoral e na Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97), proíbe ainda que as emissoras de rádio e televisão transmitam, em sua programação normal e nos noticiários, imagens de realização de pesquisa ou qualquer tipo de consulta popular de natureza eleitoral em que seja possível identificar o entrevistado ou que haja manipulação de dados.
A partir dessa data, as emissoras também não poderão dar tratamento privilegiado a candidato, partido político ou coligação, bem como veicular ou divulgar filmes, novelas, minisséries ou qualquer outro programa com alusão ou crítica a candidato ou partido político, mesmo que dissimuladamente – exceto em programas jornalísticos ou debates políticos.
com informações do TSE

Piauí: Aécio e Campos pisam mesmo palanque

Orlando Brito/DivulgaçãoAécio Neves e Eduardo Campos pisaram o mesmo palanque na tarde de sexta-feira (27). Deu-se no Piauí, na convenção que formalizou a candidatura à reeleição do governador José de Moraes Filho, o Zé Filho. Formou-se em torno do candidato uma coligação que desafia a compreensão do eleitor.
Zé Filho é do PMDB. No plano federal, o partido está fechado com Dilma Rousseff. No Piauí, aderiu ao tucano Aécio. Seu candidato a vice é o ex-prefeito de Teresina Sílvio Mendes, do PSDB de Aécio. O candidato ao Senado é o ex-governador Wilson Martins, do PSB de Campos.
Aécio e Campos não se cruzaram na convenção. O primeiro discursou na abertura do evento. O outro, no encerramento. Assim, ambos puderam espinafrar Dilma e o governo dela em sistema de rodízio. Os dois disputam uma vaga no segundo turno. Já andaram se estranhando. Mas o palanque multiuso do Piauí evitou que falassem mal um do outro.

Abono PIS/Pasep ano base 2012/13 vale até esta segunda-feira

Trabalhadores cadastrados há pelo menos cinco anos no PIS/Pasep e que tenham tido uma média salarial de dois salários mínimos no ano base, com carteira assinada, podem sacar até esta segunda-feira (30), o abono de um salário mínimo do PIS/Pasep. Servidores nomeados efetivamente em cargos públicos, durante pelo menos 30 dias no ano-base, também têm direito ao benefício.
Segundo o Ministério do Trabalho e do Emprego, 21 milhões de trabalhadores podem sacar o benefício. Cerca de um milhão ainda não reclamaram o abono, que pode ser retirado em uma agência da Caixa Econômica Federal, para aqueles inscritos no PIS, ou no Banco do Brasil, para os inscritos no Pasep.
com agências

Campanha limpa já!

A partir de agora, entra em campo, neste clima de Copa do Mundo, a campanha eleitoral no Ceará. Os candidatos terão que mostrar, antes do início da propaganda eleitoral gratuita, quem são e o que querem de uma forma bem simples: através de caminhadas. Hora de exposição, de conversa com as pessoas e de se saber sobre plataforma para melhorar a vida da população.
Em meio a esse quadro, uma certeza: a campanha promete vários ataques mútuos. Pelo menos é o que se pode interpretar das primeiras movimentações de cidistas e eunicistas. Embora, a torcida seja pelo respeito ao eleitor cearense, o tom dos discursos nas convenções sinaliza o contrário.
Coluna Vertical, do O Povo

Prefeito peemeebista anuncia apoio ao candidato Camilo Santana

Na convenção que ungiu o petista Camilo Santana candidato a governador pelo PT, com apoio do Pros do governador Cid Gomes, dois peemedebistas circularam à vontade: o deputado estadual Neto Nunes e o prefeito de Santa Quitéria, Fabiano Lobo.
Aníbal Gomes, deputado federal do PMDB, faltou à convenção do seu partido, que ungiu Eunício Oliveira, em clima festivo, no ginásio Aécio de Borba.
Com Blog do Eliomar

Anvisa suspende venda e uso de lote de medicamento para depressão

Ilustração“Resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada hoje (30) no Diário Oficial da União suspende a distribuição, a comercialização e o uso, em todo o território nacional, do lote 12096555 (validade: 09/2015) do medicamento Imipra 25mg (cloridrato de imipramina), apresentação de 200 comprimidos, fabricado pela empresa Cristália Produtos Químicos Farmacêuticos Ltda.
De acordo com o texto, a própria empresa encaminhou à Anvisa um comunicado de recolhimento do produto devido a resultados insatisfatórios no teste de teor de princípio ativo. A agência determinou que a empresa promova o recolhimento de todo o estoque existente no mercado relativo ao lote.
A resolução entra em vigor hoje.”
Fonte: Agência Brasil

domingo, 29 de junho de 2014

Eunício é homologado com ausência de deputados e discurso parecido ao de Camilo

O PMDB realizou, nesta manhã de domingo, no ginásio Aécio de Borba, convenção para homologar o senador Eunício Oliveira candidato a governador. O ato, foi prestigiado pelo PR, através de Lúcio Alcântara e Roberto Pessoa e Tasso Jereissati, este em nome do PSDB.
Alguns parlamentares do PMDB prestigiaram, mas Aníbal Gomes, deputado federal,  e Neto Nunes, deputado estadual, não compareceu ao ato.
Em seu discurso, O peemedebista prometeu percorrer todo o Ceará em campanha, seguindo o mesmo estilo de Camilo que, na convenção da aliança do Pros com o PT, disse que vai circular por todo o Estado para olhar no olho de cada cidadão.
Na foto abaixo, Roberto Pessoa e Eunício empolgados. Já o Tasso… 
tassoedeunicio

Convenções de 12 partidos oficializam nome de Camilo

O deputado estadual Camilo Santana (PT) foi oficializado neste domingo como candidato para dar continuidade ao projeto encabeçado pelo governador Cid Gomes no governo do Ceará. A convenção, que reuniu 12 partidos que referendaram o nome do petista ao Palácio Iracema, foi realizada no Ginásio da Faculdade Ari de Sá, na Avenida Heráclito Graça, que ficou superlotado. O calor obrigou o governador Cid Gomes a discursar sentado no palco. ”Não tenho nada de grave, mas se fico com muito calor, não deixo de fumar e não faço exercício, acaba ocorrendo um mal estar como fui vítima na convenção do PDT”, justificou.
Cid e Camilo chegaram ao ginásio às 10h40, levado nos braços por militantes até o palco. Torcidas organizadas dos candidatos e caravanas de cidades do interior e da capital dividiam o pequeno espaço do ginásio. Faixas, banners e cartazes faziam parte da decoração. Os políticos foram chegando aos poucos. Alguns arriscaram palavras de ordem. Do lado de fora do ginásio foram montadas barracas para a votação dos delegados de cada partido. Na convenção de ontem oficializaram seus candidatos o PC do B, PT do B, PTB, PT, PHS, PP, PTC, PRTB, PMN, PSC, PRB.
Já o PROS vai aproveitar até o ultimo minuto do prazo eleitoral que será concluído hoje para definir seus candidatos proporcionais. Segundo a assessoria do partido, os nomes dos candidatos a vice-governador e a senador também serão conhecidos nesta segunda-feira.
Somente cinco oradores usaram a palavra durante o evento. O mais econômico foi o secretário estadual de Saúde, Ciro Gomes, que fez críticas veladas aos adversários. “Aqui neste governo não se rouba e não se deixa roubar. Lá é o lado do conchavo, da mentira do cambalacho político”, disse.
Já o vice-presidente nacional do PT, José Guimarães, que abdicou da sua candidatura ao Senado para viabilizar a coligação, destacou que a aliança feita com o governador Cid Gomes e seu grupo político, desde 2006, têm beneficiando o Estado com melhorias acentuadas em seu desenvolvimento. “Agora para dar continuidade a esse processo oferecemos um dos melhores quadros do PT à população cearense”.

Falou em seguida o prefeito Roberto Cláudio, destacando as qualidade de Camilo, que foi secretário de Agricultura e Cidades do governo Cid. “Sua capacidade é reconhecida em todo o Estado”, frisou.
O governador Cid Gomes foi o orador seguinte. Sentado no palanque ele criticou o “outro lado”. Disse que, enquanto a coligação que tem Camilo encabeçando tem como candidata a presidente Dilma, os adversários têm quatro, “ninguém sabe quem eles vão apoiar. Todo dia é um nome diferente que aparece. Não costumo atacar os adversários, mas sabemos que eles vão usar de baixaria. Para eles, a eleição daqui vai ser igual a jogo de futebol, do pescoço pra baixo é canela. Estamos preparados, pois somos o lado do bem. Nosso lado pensa no bem estar do povo. Já do outro lado, eles só pensam em si, em se dar bem na política”, concluiu a pedidos, depois de reclamar que as pessoas queriam afogá-lo com tanta água (por recomendação médica o governador tem que se hidratar constantemente para evitar desmaios.)
O ultimo orador foi o candidato a governador Camilo Santana, que falou da sua experiência como secretário, dos cinco pré-candidatos a governador pelo Pros que abdicaram da disputa em nome da unidade (Izolda Sela, Zezinho Albuquerque, Leônidas Cristino, Mauro Filho e Domingos Filho) e fez uma homenagem ao seu pai (o ex-deputado Eudoro Santana). “Um exemplo de vida pra mim. Ele resistiu a ditadura, foi torturado, mas sempre conseguiu se reerguer dando para mim um exemplo de vida”. A convenção foi concluída com a tradicional foto com todos os políticos presentes no palco dando as mãos em sinal de vitória.

Dois apostadores ganharam o prêmio da Mega-Sena no último sábado (28)

O prêmio é de R$ 43 milhões e teve duas apostas vencedoras, de acordo com as informações da Caixa Econômica Federal.
Cada uma das apostas que acertaram todas as seis dezenas vai receber premiação de R$ 21.337.822,84. Elas são de apostadores de Feira da Santana, na Bahia, e do Rio de Janeiro, capital.
As dezenas sorteadas do sorteio deste sábado foram 06, 13, 17, 36, 42 e 51.
A quina teve 261 vencedores, que levarão 14,5 mil reais, cada um. A quadra foi sorteada para 16 mil apostadores, com prêmios de 321 reais.
A Caixa arrecadou, com o sorteio, mais de 64 milhões de reais.
O próximo sorteio será realizado no dia 2 de julho e a estimativa de prêmio é de 3 milhões.
A aposta mínima da Mega-Sena custa 2,50 reais e pode ser feita em qualquer uma das mais de 13 mil lotéricas do país até às 19h de sábado. Clientes Caixa com acesso ao internet banking também podem apostar online.

Camilo pede união dos aliados; Chapa completa nesta segunda-feira

covnenaçao               O GINÁSIO DA FACULDADE ARI DE SÁ
            FICOU PEQUENO E MULTIDÃO ACOMPANHOU O                                                           DISCURSO DE CAMILO VIA TELÃO
O petista Camilo Santana pediu, nesta manhã de domingo, ao discursar durante convenção no ginásio da Faculdade Ari de Sá, em que seu nome foi homologado, a unidade dos partidos aliados na disputa ao Palácio da Abolição. Ele disse que o palanque do Ceará será da Dilma, do Lula e de Cid Gomes.
A chapa completa da aliança com os nomes do vice-governador e do senador só será divulgada oficialmente nesta segunda-feira (30).
O vice-governador Domingos Filho chegou a gerar expectativa quanto à sua presença, mas compareceu e ouviu atentamente os discursos. Foi inclusive saudado por todos no palanque. Ele disse estar com Camilo Santana.
Veja o vídeo AQUI.SAM_1852

Na disputa pela vice, Inácio assegura que PCdoB estará com Camilo Santana

foto inácio arruda convençãoO senador pelo PCdoB, Inácio Arruda, assegurou, neste domingo (29), durante a convenção que homologou Camilo Santana (PT) o candidato da aliança do Pros ao Goerno, em clima de ginásio da Faculdade Ari de Sá, que o partido estará com o candidato da aliança PT/Pros e Cia nas eleições de outubro.
Apesar de cotado para a vice na chapa, Inácio afirmou que o apoio do PCdoB a Camilo Santana “independe” de sua indicação ou não. Para ele, a candidatura de Camilo fortalecerá o palanque de Dilma no Ceará.
Fonte: Blog do Eliomar

Tasso não diz se vai estar na chapa de Eunício. Mistério fica para esta 2ª feira

“Estamos juntos. Vamos caminhar juntos: eu e o Eunício!- disse, nesta manhã de domingo, no Ginásio Aécio Borba, durante convenção que homologou a candidatura do senador Eunício Oliveira (PMDB) ao Governo.
Tasso, no entanto, não informou se vai estar na chapa do PMDB. Esse mistério só deve ser desvendado durante convenção do PSDB, marcada para as 15 horas desta segunda-feira, na sede partidária.
O que se falou durante o evento é que o PSDB gostaria de ter seu espaço, na coligação com o PMDB, para difundir a campanha pró-Aécio Neves.

Depois da “bancada da bala”, agora é a “bancada da bola”

Dois ex-Ceará e um ex-Fortaleza disputarão as eleições em outubro no Ceará. É a chamada “bancada da bola”, que deverá fazer frente à “bancada da bala”, apesar dessa última ser melhor preparada e apresentar mais opções ao eleitorado.
O nome de maior expressão da “bancada da bola” é Dimas Filgueiras, ex-jogador e ex-treinador alvinegro, que disputará vaga à Câmara Federal pelo PTC.
Na Assembleia Legislativa, os nomes são Sérgio Alves (PR) e Maizena (Pen).
Fonte: Blog do Eliomar

Luiz Cruz morreu na madrugada deste sábado

O idealizador da Biblioteca Circulante, Raimundo Luiz Cruz, morreu na madrugada deste sábado, 28, por volta das 2 horas. Ele estava em tratamento no Hospital Geral Doutor César Cals desde novembro do ano passado, quando foi submetido a uma cirurgia, mas teve complicações durante o procedimento e precisou ficar hospitalizado. As informações foram repassadas pela assessoria de imprensa do hospital.
Luiz Cruz chegou a ser transferido para tratamento domiciliar com acompanhamento dos profissionais do hospital. Entretanto, após contrair uma pneumonia, o fundador da Biblioteca Circulante voltou a ser internado. Ele estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).
De acordo com nota enviada pelo hospital, "por consequência de uma pneumologia, ele foi readmitido na Unidade de Terapia Intensiva no dia 20 de maio, onde recebeu todos os cuidados necessários. Respirava por ventilação mecânica e recebia medicação para manter a pressão arterial e todas as medidas necessárias para tratar a infecção. Na madrugada deste sábado, 28 de junho, entrou em choque, não resistindo aos procedimentos clínicos adotados e faleceu por disfunção de múltiplos órgãos".
Biblioteca
Formalizada como uma entidade civil sem fins lucrativos, em setembro de 1999, a Biblioteca Circulante passou a ser denominada Centro Beneficente e Cultural Luiz Cruz.
A Biblioteca Circulante foi montada com o intuito de levar cultura para presídios, hospitais e escolas. Eram livros, revistas, almanaques e cartilhas que circulavam mensalmente.
Fonte: O Povo

sábado, 28 de junho de 2014

Cid recebe aliados para ajustes na chapa do PT-PROS

O governador Cid Gomes (PROS) volta a se reunir, no início da noite deste sábado, na residência oficial, com aliados do PT e de outras siglas que integram a base de apoio ao Governo do Estado para os últimos ajustes na chapa a ser encabeçada pelo deputado estadual Camilo Santana ao Palácio da Abolição.
Os ajustes passam pela definição dos candidatos a vice-governador e a senador e a ocupação das duas vagas de suplentes ao Senado. Os nomes para vice e senador serão indicados pelo PROS. Entre as opções, estão Domingos Filho, José Albuquerque, Mauro Filho e Leônidas Cristino.
A definição do nome de Camilo Santana foi tomada neste sábado, durante reunião comandada pelo Governador Cid Gomes. Cid fez apelo ao deputado José Nobre Guimarães para renunciar a candidatura ao Senado e, em troca, o PT indicaria Camilo ao Governo.
Guimarães fez consultas a cúpula nacional do PT, conversou com o ex-presidente Lula e ouviu correligionários no Ceará. A decisão de abrir mão da candidatura, porém, já estava tomada diante dos argumentos de Cid Gomes para a base partidária ser unificada. Cid comanda, neste domingo, a Convenção Estadual do PROS, a ser realizada, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá, na Avenida Heráclito Graça, em Fortaleza, para oficializar os nomes dos candidatos ao Governo do Estado, ao Senado e as coligações majoritária e proporcionais.
Fonte: Ceará Agora

Camilo terá Zezinho Albuquerque como vice na disputa ao Governo

Chegou ao fim o imbróglio político sobre quem concorrerá ao Governo do Ceará apoio com o apoio da base de Cid Gomes. Em reunião realizada na manhã deste sábado (25), no Palácio da Abolição, o diretório cearense do Partido dos Trabalhadores aceitou os argumentos do governador e concordou com a indicação do deputado Camilo Santana (PT) para a disputa ao comando do Executivo estadual. 
Pelo acordo, a chapa majoritária será composta pelo presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PROS), como candidato a vice-governador e pelo deputado estadual Mauro Filho (PROS) concorrendo ao Senado Federal. José Guimarães, que seguiu até então como pré-candidato do PT ao Senado, consentiu em abrir mão da vaga a pedido da presidente Dilma Rousseff.
O vice-governador Domingos Filho (PROS), que também pleiteou sua candidatura ao Governo, será indicado ao Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Ceará.
Todas as negociações ocorreram um dia antes da oficialização das candidaturas do PT e do PROS, que ocorrerão neste domingo (29), durante a Convenção Estadual das duas legendas, providencialmente marcadas para o mesmo horário e o mesmo local, às 9h, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá, no Centro de Fortaleza.
Fonte: Ceará News 7

A equação do palanque de oposição

Eunício Oliveira (PMDB) representa o maior partido da base de Dilma Rousseff (PT) a ter candidato próprio a governador no Ceará, mas isso não foi suficiente para atrair para ele a simpatia da maior parte das legendas que apoiam o Governo Federal. Do outro lado estava o Governo do Estado, que sempre costuma ser argumento dos mais convincentes na hora de fechar coligações. Assim, restou a ele se abrigar na oposição. Terá consigo PSDB, PR, DEM. Siglas cujo espaço no Estado não é dos mais significativos, mas que têm bancadas bem consideráveis na Câmara dos Deputados. Ou seja, junto com o PMDB, garantem um tempo de rádio e televisão bem razoável.
Mas toda essa acomodação é um tanto complexa. Há relatos contraditórios sobre os acertos em Brasília, que envolveram Aécio Neves (PSDB) e Agripino Maia (DEM). Há quem sustente que o acordo seria para o candidato peemedebista a governador apoiar exclusivamente o tucano para presidente. Ao que tudo indica, se houve tal sinalização, ela não ficou bem clara e dificilmente será cumprida ou levada ferro e fogo.
Por um lado, foi Aécio quem articulou, com dirigentes nacionais aliados seus, para tirar Eunício do isolamento. Porém, a ascensão política do peemedebista ao primeiro escalão de Brasília foi toda atrelada ao grupo do ex-presidente Lula, de quem foi ministro, e da presidente Dilma. O acerto se dá pelos interesses nacionais do PSDB e pelo foco local do PMDB. Na prática, não se deve esperar do peemedebista e dos candidatos a deputado, por exemplo, que quebrem lanças por Aécio.
Outra complicação é relativa aos entendimentos que Eunício vinha mantendo para que Lula e Dilma fiquem longe do palanque no Ceará. Ao se aproximar de Aécio, dá argumento para que ambos subam no palanque do Pros. Não há caminho fácil e o candidato do PMDB deve ter calculado bem perdas e ganhos ao traçar sua rota.
Por Érico Firmo - Jornalista 

Ave, César! Goleiro classifica o Brasil nos pênaltis

Com duas defesas e a sorte de uma cobrança na sua trave esquerda, a última do Chile, o goleiro Júlio César garantiu na disputa de pênaltis a vaga brasileira às quartas de final da Copa do Mundo, em Fortaleza, na próxima sexta, dia 7 de julho. O adversário sairá do confronto de daqui a pouco, entre Colômbia e Uruguai, que começa às 17h, no Maracanã. Pelo Brasil, cobraram David Luiz, Willian, Marcelo, Hulk e Neymar. O segundo bateu para fora e o quarto para defesa do goleiro Bravo, que ainda tocou na cobrança de Marcelo, antes da bola entrar. Pelo Chile bateram Pinilla, Sánchez, Aranguiz, Diaz e Jara. Júlio César defendeu as duas primeira cobranças, com a sorte lhe abençoando na última.
Quando cruzou o rio Rubicão com suas legiões para conquistar Roma, outro Júlio César disse: “A sorte está lançada”. E ela hoje sorriu para o goleiro brasileiro, hoje redimido diante da falha no gol holandês que desclassificou o Brasil na Copa de 2010. No eco de quatro anos depois: Ave, César!
Por Aluysio Abreu

Brasil vence disputa e sai vivo de batalha contra o Chile.

Foi no sufoco, nos pênaltis, mas após quase três horas, termina a partida em Belo Horizonte o Brasil está nas quartas de final. Fez 3 a 2 no Chile, após 1 a 1 no tempo normal e 0 a 0 na prorrogação e manteve o sonho do hexa vivo.
Neymar, o craque do time, converteu a última cobrança. Júlio Cesar pegou dois pênaltis e saiu como herói. Jara errou a quinta cobrança para o Chile, carimbando a trave e Brasil continua vivo na luta pelo 6º título da Copa do Mundo.
Mas a seleção precisa melhorar, para superar as quartas.
Chile
O chile vendeu caro a derrota para o Brasil, errou três pênaltis e sai da copa nas oitavas de final. Não foi uma copa fácil para os chilenos, que enfrentaram numa sequência Espanha, Holanda e Brasil. Se tivesse melhor sorte no sorteio, poderia ir mais longe.

Camilo Santana é confirmado como candidato ao Governo do Ceará

Cid Gomes se reuniu, na manhã deste sábado (28), com os principais líderes do diretório cearense do Partido dos Trabalhadores. Na mesa de negociação, o líder do PROS insistiu na indicação do deputado estadual Camilo Santana (PT) como candidato ao Governo do Estado.
O acordo, referendado pela presidente Dilma Rousseff, foi fechado e deverá ser tornado público logo após o encerramento jogo entre Brasil e Chile, pela Copa do Mundo.
Camilo soube da indicação por meio de um telefonema do próprio governador enquanto almoçava no Shopping Iguatemi. Com a confirmação, ele seguiu para a residência oficial onde participa das articulações para oficializar a coligação. 
Com o PT assumindo a liderança da chapa majoritária, o deputado federal José Guimarães consentiu em ceder a vaga pela disputa ao Senado Federal. A desistência, um dos critérios para a formalização do acordo, foi um pedido direto da própria presidente Dilma. No lugar do petista deverá ser lançado o nome do deputado estadual Mauro Filho.
Fonte: Ceará News 7

Erros deixam Brasil e Chile empatados em 1 a 1 no primeiro tempo

Um jogo tático em que as falhas na saída de jogo dos dois times definiram o empate em 1 a 1 registrado dos primeiros 45 minutos. Com sua já conhecida marcação sob pressão no campo adversário, o Brasil teve mais posse de bola e dificultou bastante a saída de bola do Chile. Fruto dessa pressão, num escanteio  cobrado pela esquerda por Neymar, aos 18 minutos, gerou o gol brasileiro numa jogada ensaiada entre os dois zagueiros brasileiros. Aproveitando-se da também conhecida baixa estatura da defesa chilena, Thiago Silva cabeceou no primeiro pau para Bavid Luiz completar no segundo, numa bola desviada também pelo beque chileno Jara. Mas para provar que também sabe roubar a bola no campo adversário, numa bola mal atrasada por Hulk na esquerda, aos 31, Vargas passou a Sánchez dentro da área, sob observação passiva de David Luiz e do lateral Marcelo. O atacante do Barcelona e da seleção chilena dominou e bateu com categoria, no canto direito de Júlio César.
Antigo rei do Mineirão, Fred perdeu duas chances claras de marcar: aos 39, quando a bola caiu no seu pé esquerdo dentro da área, com o gol escancarado, numa sobra de bola sobrada num lance de Neymar; e aos 45, quando o mesmo Neymar entrou pela direita e cruzou na cabeça do centroavante brasileiro, perdendo o gol feito também por cima. Neymar está sofrendo marcação individual do zagueiro Silva e sofrendo rodízio de faltas.

Brasil com dúvidas na escalação define hoje sua sorte contra Chile (o freguês)

interrogação amarelaFernandinho no lugar de Paulinho, como segundo volante, é certeza. Maicon assumindo a lateral-direita de Daniel Alves é uma possibilidade. Dante na zaga em substituição a David Luiz, com uma contratura nas costas de última hora, pode ser uma necessidade. Entre as muitas dúvidas sobre a escalação com que a Seleção Brasileira entra em campo hoje, a partir das 13h, no Mineirão, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, só uma certeza: Perdeu? Adeus!
O adversário é um antigo e conhecido freguês em Copas: o Chile. Nas três vezes em que cruzou com o Brasil em Mundiais, sofreu três derrotas: 2 x 4 em 1962, 1 x 4 em 98, e 0 x 3 em 2010. Mas a declaração do treinador brasileiro Felipão, de que só não queria pegar o velho rival nas oitavas, aliada à boa campanha da seleção sul-americana na fase de grupos (3 x 1 na Austrália, 2 x 0 sobre a campeão Espanha, mas derrota de 0 x 2 diante da Holanda) fez com que os chilenos crescessem no caminho brasileiro à conquista do Hexa dentro de casa.
Na dúvida razoável se alguém, com direito de escolher, fosse preferir pegar a Espanha (mesmo já eliminada) ou a Holanda (que joga amanhã contra o México) de cara no primeiro jogo eliminatório da Copa, a verdade é que sob a competente batuta  do argentino Jorge Sampaoli , o Chile possui de fato um excelente time. Além de jogadores técnicos, as variações táticas e a intensa movimentação da equipe, sem posições fixas e com apoio constante dos laterais, sempre causam problemas aos adversários para encaixar a marcação.Na  coletiva de ontem, o capitão Thiago Silva e o treinador Felipão
Mas, como o Brasil, os chilenos também têm problemas com para escalar seu time titular. Se nas coletiva de ontem, Felipão não confirmou nenhuma das prováveis alterações da Seleção Brasileira, Sampaoli foi mais sincero ao admitir que se o jogo fosse na sexta, não poderia mandar a campo Gery Medel, e que Arturo Vidal está longe das melhores condições.
Volante de origem, mas improvisado com sucesso na seleção como zagueiro ou líbero, Medel tem um problema muscular na coxa esquerda e é dúvida para hoje. Já Vidal, um dos mais importantes jogadores chilenos do meio para frente, sofreu uma cirurgia no joelho esquerdo há 45 dias, foi poupado na derrota contra a Holanda, mas ainda não se recuperou. Confirmado no time que hoje entra jogando, dificilmente terá condição de suportar os 90 minutos, muito menos uma eventual prorrogação.
No Brasil, a esperança, como sempre é Neymar. Mas não faria mal se Oscar reeditasse sua boa atuação na estreia contra a Croácia,  se Fred reencontrasse o caminho do gol após ter desencantado contra Camarões, se Hulk finalmente se destacasse por algo além do vigor físico e do emprenho tático, ou se Fernandinho mantivesse o mesmo futebol que o transformou em titular.
Se ficar só por conta de Neymar, bom lembrar que ele terá pela frente seu companheiro de ataque no Barcelona, Aléxis Sánchez, cuja temporada no clube catalão foi melhor que a do craque brasileiro. E como Sánchez, embora não guarde posição fixa, gosta de atacar pela direita, o dispersivo lateral esquerdo Marcelo e o eficiente volante Luiz Gustavo terão que estar atentos.
Entre o Brasil e o Chile, há os Andes. E para um lado ou para o outro, a queda é grande.Brasil e Chile
Publicado hoje na edição impressa da Folha.